05 abr 2017

Antes e depois do meu cantinho preferido da casa com QCola

por
Gabi Miranda

Decoração, Destaque, Terapia do lar

Há pouco mais de três anos, a Luiza do blog Potencial Gestante, entrou em contato comigo me convidando para participar junto com outras blogueiras de um post cujo título era “onde nascem os posts”. A ideia era apresentar aonde escrevíamos para o blog. Fiquei toda feliz com o convite e mandei super satisfeita a minha foto. Hoje, pensando naquele ambiente onde nasciam meus posts, nem sei expressar meu sentimento. Era uma mesa completamente entulhada de coisas, eu sentava num banquinho sem encosto e tudo isso ficava lá na casa onde morávamos e que não me agradava, apesar de ter sido feliz lá.

Há 3 anos nos mudamos para o apartamento. Um lugar que chamo carinhosamente de apertamento, mas que amo cada centímetro. Noutro fim de tarde mesmo, entrei e me deparei com uma luz maravilhosa iluminando a sala. Como gosto da luz que entra naquele lugar!

Quando mudamos para um lugar novo, não dá para arrumar tudo de uma vez como a gente deseja no primeiro instante. Fazemos o primordial e aos poucos vamos deixando o ambiente mais com a nossa cara. Hoje olho para o meu lar e percebo o quanto tem de nós – eu, marido e filhos – naquele ambiente, o quanto tem a nossa marca.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

17 fev 2017

Como dobrar roupas

A organização da minha casa começou a mudar quando recebemos a visita da Carol Martins. A partir daí comecei a me preocupar mais com a organização da casa. Aprendi que casa arrumada é igual a espaço de sobra. Desde então, tenho lido muito sobre organização e aprendido várias artimanhas para facilitar a vida. A Carol organizou as gavetas do Benjamin e me ensinou como dobrar roupas.

Ela me ensinou a dobrar roupas de forma que eu conseguisse ver onde estavam todas as peças, só passando os olhos. E isso ajudou também o Benjamin, contribuindo para que ele mesmo pegue a roupa que desejar, encontrando facilmente. O segredo disso é arrumar as roupas na vertical e não na horizontal. E como dobrar as roupas e arrumá-las na vertical?

dobrar roupas

Gavetas do Benjamin

As roupas precisam ficar mais compactas e isso significa ter mais dobras. Eu tive medo de deixar as roupas com muitas marcas, vincos, mas não foi o caso. E como ensina a Marie Kondo, no livro A mágica da arrumação, não é o número de dobras que causa vincos, e sim a pressão que se aplica sobre elas. Esse é mais um motivo para não guardar as roupas empilhadas, pois o peso das peças que pressionam as outras roupas que ficam por baixo.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

2

comente!

15 fev 2017

Sorvete de frutas preparado no Processador de Alimentos para Bebês da Hamilton Beach

Recebemos recentemente, o Processador de Alimentos para Bebês da Hamilton Beach. E lá fui eu sem nem conhecer a máquina, gravar um vídeo testando o produto. Gosto disso, de testar e falar da minha experiência com sinceridade para os leitores.

Sobre o vídeo digo, apesar da timidez, da falta de traquejo, foi uma delícia produzir. Parecia que estava fazendo ao vivo. Era como se fosse, pois separei os ingredientes e, se algo desse errado, não tinha como voltar atrás porque não tinha mais os itens em casa. Ou seja, precisava dar certo para que eu pudesse formar minha opinião sobre o aparelho.

Sobre o produto, estou pensando até agora… COMO EU NÃO TINHA ISSO EM CASA ANTES?!

A primeira receita que fiz no meu processador, foi um sorvete de frutas e você confere o vídeo abaixo:

O Processador de Alimentos para Bebês

.

O processador de papinhas Hamilton Beach é ótimo para quem tem bebê em casa em fase de introdução alimentar. E para mamães, como eu, que trabalham fora, é uma maravilha. Sabemos o quanto a vida com bebê em casa é corrida. Precisamos otimizar nosso tempo para que possamos aproveitá-lo junto dos nossos filhos ao invés de passar o tempo todo na cozinha. Pensando em facilitar a vida de mães e pais, que a Hamilton Beach lançou o Processador de Alimentos para Bebês.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

8

comente!

13 fev 2017

Planner decorado com scrapbook

por
Gabi Miranda

Organização, Terapia do lar

Uma das coisas que mais me deixou com vontade de possuir um Planner, foi quando vi o post Scrap no Planner, da Talita, do blog Só Melhora. Naquele momento, me bateu um desejo incontrolável de ter um Planner só para decorar com scrapbook. Passei o ano inteiro sentido aquilo. O Planner não só me ajudaria ter uma vida mais organizada, como me faria exercitar um dos meus hobby’s preferidos: scrapbook.

Quando comprei meu planner no final de 2016, a primeira coisa que fiz foi decorar as primeiras páginas com scrap.

O Planner trouxe pra minha vida aquela sensação deliciosa de quando fazíamos agenda na adolescência, lembram? Comprávamos uma agenda e nela colávamos tudo que nos trazia boas lembranças. O papel de bala que ganhamos das mãos do paquera. Um bilhetinho. O convite de aniversário de uma amiga. Um ingresso de cinema de um filme que foi bom demais. Muitos clips marcando páginas importantes. Fotos. De momentos maravilhosos…
Clique e continue lendo!

compartilhe!

3

comente!

03 fev 2017

Quarto das crianças com camas Montessori

Camas Montessori é a grande aposta aqui na nova decoração do quarto das crianças

Transformar o quarto das crianças era um sonho desde quando pegamos a chave do apartamento. É que antes era o quarto só da criança. Como tínhamos o plano de mudar isso para o plural, esperamos acontecer. E quando aconteceu, decidi não saber o sexo do bebê. Foi então que decidimos realizar qualquer alteração no quarto das crianças após o nascimento do novo membro da família. Um ano se passou e chegou a hora da mudança.

O quarto das crianças é bem pequeno. A mamãe fez o favor de roubar um pedaço para fazer um closet no quarto do casal. Eles também poderiam ter um quarto para cada um, pois temos três dormitórios disponíveis. Mas eu sempre quis que eles dividissem o mesmo quarto e acho que terão bastante tempo para dormirem sozinhos depois. Não tem coisa melhor que compartilhar o quarto, os segredos, a cumplicidade.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

4

comente!

18 jan 2017

A mágica da arrumação, por Marie Kondo

Marie Kondo, autora do livro A mágica da arrumação – A arte Japonesa de colocar ordem na sua casa e na sua vida é obcecada por organização desde os 5 anos de idade. Nesse livro, ela conta como a organização entrou na vida dela e explica até os motivos que levaram-na a ser obstinada por arrumar coisas. Eu pensava que desapegava das coisas, até que uma amiga indicou a leitura desse livro e depois ele começou a surgir pra mim como sinal. Numa revista que eu estava lendo ele surgia na matéria. Numa pesquisa rápida na internet sobre organização, ele aparecia no topo da lista. Até que fui comprar um presente na Livraria Cultura e lá estava ele me chamando por apenas R$15,00.

Comprei. O livro A mágica da arrumação é perturbador! Ou eu sou perturbada mesmo. Rá!

A cada capítulo que terminava, eu começava a arrumar algum determinado ambiente da minha casa. Eu sentia uma necessidade de arrumar como se não houvesse amanhã. Iniciei pelas roupas, como Marie Kondo mesma indica no livro. Fui para meu home office onde tem também as prateleiras com meus livros. Depois para o armário do corredor aonde guardava várias tranqueiras. Eu sentia um desejo de arrumar tudo no mesmo dia, como também indica a autora, mas isso é impossível pra mim. Só o closet, demorei um dia inteiro. Comecei de manhã e acabei no final da tarde. Fui realizando a organização aos poucos. E eu terminava completamente esgotada e sem energia. O negócio realmente mexe com a gente.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

2

comente!

04 jan 2017

Meu querido Daily Planner (Love & Peace)

por
Gabi Miranda

Organização, Terapia do lar

Em 2016 esqueci compromissos (meus, dos filhos, do marido, do trabalho), aniversários, coisas a fazer, a comprar e consequentemente não estava organizando bem minha vida de mãe, profissional, blogueira, dona de casa. Em 2017 quero organizar melhor os setores da minha vida e para isso decidi aderir ao Daily Planner.

Já disse que sou antiga. Gosto de papel e caneta. Sou péssima com esses lances de tecnologia, inclusive para me organizar. Nem o facebook me salva de esquecer um aniversário. Tenho saudades do tempo em que as meninas mantinham uma agenda e enfeitavam com canetas coloridas, adesivos e papeizinhos. O Planner traz de volta essa ideia. E também implanta um conceito de organização para quem é assim aversa à tecnologia como eu. Eu também já não posso depender da minha memória que a cada ano que passa parece piorar. Ah, também é uma forma de exercitar a escrita, praticar a letra cursiva que em tempos de tecnologia avançada só nos permite escrevermos através dos teclados.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

13

comente!

02 jan 2017

Comece o ano com organização

Comece o ano com organização e aposte que tudo fluirá

 

Uma das minhas metas para 2017 é ser mais organizada, ter uma casa organizada, uma vida inteira organizada. Pra isso, adquiri um planner, já organizei minha planilha financeira, estou passando por um processo intenso de arrumação da casa que envolve desapego, descarte, organização…. e estou tão empolgada para 2017! É um ano ímpar e aprendi a gostar de anos ímpares porque são os que mais acontecem coisas e mudanças legais na minha vida. (essa é a única superstição do meu marido e mais uma na minha lista. Rá!)

A verdade é que não adianta só empolgação. Para ser um ano excelente a gente tem que fazer por onde. Nossas atitudes são fundamentais para fazer um ano diferente. O querer é importante, mas tem que vir acompanhado de ações. Portanto, nada de procrastinação em 2017! Comece o ano com organização.

Veja o que tenho feito para me ajudar com a organização da minha vida:

Clique e continue lendo!

compartilhe!

2

comente!

20 dez 2016

Sobremesa de Natal saudável (e deliciosa) para toda família

por
Gabi Miranda

Destaque, Receitas, Terapia do lar

O título é Sobremesa de Natal saudável para toda família, mas a verdade é que vale para qualquer época do ano, principalmente na primavera e verão. É que essa receita além de saudável, é tão prática, deliciosa e pode ficar com uma apresentação tão charmosa, que será a sobremesa oficial desse Natal aqui em casa.

sobremesa de Natal saudável

Recentemente participei da oficina culinária de sobremesas saudáveis infantis, realizada pelas nutricionistas da Mestre Cook Assessoria. Foi um momento agradável aonde aprendi algumas receitas saudáveis para as crianças e dicas valiosas para substituir o açúcar em sobremesas. Conheci o agave! Um adoçante natural, proveniente da mesma planta usada para fabricar a bebida tequila. O agave é orgânico e pode substituir o açúcar. Ganha em vantagens por ter menos calorias, adoçar mais, não contém glúten, nem lactose. Segundo as nutricionistas Mestre Cook é mais saudável, mas elas alertam que mel e agave também não devem ser consumidos em exagero como substituto do açúcar, pois também apresentam risos, principalmente para diabéticos e famílias com dislipidemias. Por isso, moderação e a opinião do nutri são importantes nessa hora.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

07 dez 2016

Alergia alimentar: inclusão e receitas práticas

Eu nunca tinha parado pra pensar no assunto. A verdade é que não pensamos quando não nos afeta diretamente. Meus filhos não tem alergia alimentar, logo nunca tive que me preocupar com o assunto. Mas houve uma crescente de amigas ao meu redor com filhos com alergia alimentar. A gente não pensa, por exemplo, que crianças com alergia alimentar precisam de maior atenção nas festas infantis. Mas isso tem mudado. Nosso olhar materno faz a gente olhar além do próprio umbigo horizonte. A experiência com filhos também nos dá outra bagagem. Nossos filhos acabam se relacionando com muitos amiguinhos e entre eles pode ter uma criança com alergia alimentar. E aí entra outro assunto: inclusão.

Cada vez mais estamos preocupados e as empresas também começam a se movimentar num sentido de colaboração, inclusão e conscientização. A Danone Nutrição Especializada promoveu o 1º Workshop Fazendo a Festa para Crianças Alérgicas, entre elas a alergia à proteína do leite de vaca (APLV) – uma das coisas mais comuns no dia de hoje e com pouca informação a respeito. Segundo a Danone, a criança alérgica já é uma criança de risco nutricional. O leite, principal nutriente na infância, é obrigatoriamente excluído da dieta. Estudos mostram uma deficiência importante de proteína, cálcio e vitamina D em crianças alérgicas, menor peso e estatura e até um aumento no risco de fraturas. Se a substituição do leite e demais proteínas não for adequada, esses riscos nutricionais podem interferir no bom desenvolvimento e crescimento da criança.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

7

comente!

Página 1 de 7123456...Última