16 abr 2012

Uma vida muda tanto a nossa

Nos últimos dias tenho pensando muito na chegada do Benjamin em minha vida. Acho que esse negócio de organizar a festa de um ano dele mexeu comigo. Daqui a pouco meu bebê vai fazer um ano!!! Fico pensando em minha vida há um ano, ou melhor, um ano e 10 meses – porque a partir do momento que me descobri grávida, minha vida mudou totalmente.

Lembro que passei muito mal nos primeiros meses de gestação. Como passei mal!!!! Eu respirava e pronto, colocava os bofes pra fora. Fiquei apavorada pensando que ficaria a gestação inteira daquele jeito. Até o quarto mês não gostei muito de ser gestante, mas depois…ai que saudade. Acho que não tem estado melhor da mulher.

Quando Benjamin não mexia – o que era raro – eu entrava em pânico e comia, comia e comia até que ele desse sinais nítidos de vida. Passei a gravidez inteira com medo de perdê-lo. Talvez porque eu tive um descolamento de placenta logo no início e tive que ficar de repouso, depois porque eu passava muito mal e não comia e quando comia colocava pra fora, também porque eu não bebo leite, não como verduras (e até tentei), legumes e mais um monte de coisas… nisso eu pensava um montão de besteiras. Clique e continue lendo!

compartilhe!

1

comente!

12 abr 2012

Livro: Pais inteligentes enriquecem seus filhos

por
Gabi Miranda

Dinheiro, Livros, Maternidade

Eu já li Casais Inteligentes enriquecem juntos e recentemente o marido ganhou de presente de aniversário o Pais Inteligentes enriquecem seus filhos, ambos do autor Gustavo Cerbasi.

Há que não gosta da ideia de ter uma disciplina na escola sobre educação financeira. Embora, eu acho que essa é uma responsabilidade dos pais, acho interessante incluir o tema no currículo escolar das crianças. Afinal, é de pequeno que se aprende.

Os pais devem preparar os filhos para a vida e aprender sobre educação financeira é importante. Dinheiro implica fazer escolhas e é essencial que a criança aprenda isso. Sabemos que dinheiro não traz felicidade, mas ele gera bem estar, qualidade de vida, segurança, tranquilidade, etc.

Gostei muito do livro. Apesar de ainda não estar na época de aplicar as dicas que ele sugere, achei válido para começar a colocar – desde já – em prática algumas sugestões na minha vida de mãe. Porque como bem diz o autor “oferecer conhecimentos sem praticá-los (habilidades) não leva a lugar nenhum. Praticar sem ressaltar sua relevância (atitude) empobrece o aprendizado. Da mesma forma, a prática sem conhecimento induz a erros...”
Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

11 abr 2012

Um mimo singelo

por
Gabi Miranda

Uncategorized

Elas cuidam do meu filho diariamente. Eu sei que ele é bem cuidado. Nada mais justo fazer um agrado sempre que for possível. Eu e o marido fizemos essa lembrancinha para as tias do berçário.

20120411-100134.jpg

Fez o maior sucesso, todas gostaram. Prova de que um simples gesto pode fazer diferença.

20120411-100538.jpg

compartilhe!

1

comente!

10 abr 2012

Em busca de novos horizontes

por
Gabi Miranda

Uncategorized

Acontece só comigo ou todas as mães de plantão, ao se tornarem mães, começaram a se questionar sobre o que querem profissionalmente?!

Não sei, mas desde que me tornei mãe, passei a procurar o meu lugar ao sol na vida profissional, de forma que não permita sombra na vida materna (?!).

A gente se torna mãe e logo quer abraçar o mundo, principalmente quando nos damos conta de que, no final, conseguimos dar conta de tudo. Então pensamos em nos tornar empreendedoras, buscamos ampliar nossos horizontes, queremos nos tornar mais útil e ganhar mais dinheiro (ou nem tanto assim), porém realizar o que nos dá prazer. A maternidade de alguma forma nos inspira, nos faz querer mais, nos impulsiona.

Eu quebro a cabeça tentando descobrir uma aptidão, pensando no que posso trabalhar em casa, por exemplo. Penso em trabalhar em algo que me permita ajudar outras mães. Ou fazer artesanato. Corte e costura. Escrever sobre maternidade (daí o blog). Fazer parte de uma ONG e contribuir para um mundo melhor. Ou com a camada de ozônio. Meio Ambiente. Sustentabilidade. Eu penso (todos os dias) em fazer algo que permita me tornar mãe em tempo integral… Clique e continue lendo!

compartilhe!

3

comente!

08 abr 2012

Feliz Páscoa

por
Gabi Miranda

Uncategorized

20120408-200850.jpg

compartilhe!

0

comente!

04 abr 2012

Almas perfumadas

por
Gabi Miranda

Uncategorized

Tem gente que tem cheiro de passarinho quando canta. De sol quando acorda. De flor quando ri. Ao lado delas, a gente se sente no balanço de uma rede que dança gostoso numa tarde grande, sem relógio e sem agenda. Ao lado delas, a gente se sente comendo pipoca na praça. Lambuzando o queixo de sorvete. Melando os dedos com algodão doce da cor mais doce que tem pra escolher. O tempo é outro. E a vida fica com a cara que ela tem de verdade, mas que a gente desaprende de ver. Tem gente que tem cheiro de colo de Deus. De banho de mar quando a água é quente e o céu é azul. Ao lado delas, a gente sabe que os anjos existem e que alguns são invisíveis. Ao lado delas, a gente se sente chegando em casa e trocando o salto pelo chinelo. Sonhando a maior tolice do mundo com o gozo de quem não liga pra isso. Ao lado delas, pode ser abril, mas parece manhã de Natal do tempo em que a gente acordava e encontrava o presente do Papai Noel. Tem gente que tem cheiro das estrelas que Deus acendeu no céu e daquelas que conseguimos acender na Terra. Ao lado delas, a gente não acha que o amor é possível, a gente tem certeza. Ao lado delas, a gente se sente visitando um lugar feito de alegria. Recebendo um buquê de carinhos. Abraçando um filhote de urso panda. Tocando com os olhos os olhos da paz. Ao lado delas, saboreamos a delícia do toque suave que sua presença sopra no nosso coração. Tem gente que tem cheiro de cafuné sem pressa. Do brinquedo que a gente não largava. Do acalanto que o silêncio canta. De passeio no jardim. Ao lado delas, a gente percebe que a sensualidade é um perfume que vem de dentro e que a atração que realmente nos move não passa só pelo corpo. Corre em outras veias. Pulsa em outro lugar. Ao lado delas, a gente lembra que no instante em que rimos, Deus está conosco, juntinho ao nosso lado. E a gente ri grande que nem menino arteiro. Tem gente como você que nem percebe como tem a alma perfumada! E que esse perfume é dom de Deus. (Carlos Drummond de Andrade) Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

Página 165 de 176Primeira...163164165166167168...Última