03 abr 2012

O aviador

por
Gabi Miranda

Uncategorized

Recebi na sexta-feira passada, das Mamatracas e da Faber-Castell, o Kit Criativo Aviador.  Esse kit é voltado para crianças a partir de 8 anos. Meu Ben está com 9 meses, pensa numa pessoa ansiosa…eu não aguentaria esperar até lá. Então abri a caixa no sábado mesmo.

Confesso envergonhada, nem sabia ou não lembrava que a Faber-Castell tinha brinquedos em sua linha de produtos. Esse faz parte da linha de Kits Criativos Faber-Castell – brinquedos educativos que buscam desenvolver os 4 pilares básicos da educação promovidos pela UNESCO: aprender a conhecer = descobrir, compreender; fazer = colocar em prática seus conhecimentos; conviver = valorizar aquilo que é comum a todos; e ser = desenvolver o conhecimento de si mesmo e do outro.

A criança monta o avião..

…pinta e ainda pode colar adesivos.

No final vira um móbile!

Eu sei que me diverti muito com meu Ben enquanto a criança grande aqui montava o avião. Primeiro que proporcionei a ele seu primeiro contato com tinta, sujamos as mãos, o rosto, o chão, foi uma lambuzeira geral e detalhe: essa bagunça toda na sala.  Segundo que esse é seu primeiro avião, de cara todo personalizado. Terceiro que momentos como esse são ímpares em nossas vidas, não precisamos esperar chegar o momento certo, até porque o momento certo é hoje – o grande presente da vida. Então temos que aproveitar cada momento com nossos pequenos, principalmente porque eles crescem muito rápidos, o negócio é curti-los de todas as formas, proporcionar momentos prazerosos, saudáveis, inesquecíveis. Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

02 abr 2012

Dia Internacional do livro infantil

por
Gabi Miranda

Livros

E no dia internacional do livro infantil, vou dar uma dica bacana para os pequenos. É o livro Telefone sem fio, de Ilan Branman. Comprei de presente esse livro para um dos filhos da Dani, minha amiga-mãe-já-de-dois. Ainda estava de licença maternidade e acabei comprando pela internet por conta da comodidade. Uma coisa que me chamou atenção no livro foi seu tamanho. Quando chegou fiquei surpresa porque veio numa caixona, mas ao abrir e folheá-lo me decepcionei um pouco. Eu sabia a ideia do livro, o mesmo do nome, aquela brincadeira sem fio, mas imaginei que acompanhava um texto, sei lá, talvez um dos personagens iniciando a brincadeira. Mas não, só tinha imagens.

Comentei com o marido e eis que ele dá a solução mais simples para meu problema: “mas o legal é a criança imaginar a fala de cada personagem”. Simples assim. Simples, porém uma ideia genial do autor. Ele reúne vários personagens da literatura infantil, Chapeuzinho Vermelho, o Lobo Mau, piratas, papagaios, reis, cada um com uma expressão facial diferente – e aí está a grande sacada e motivo do livro não precisar de texto, em cada rosto uma reação – aparentemente de alegria, espanto, curiosidade – a cada página um está contando algo no ouvido do outro, algo que fica por conta da imaginação dos pequenos. Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

tags: ,

31 mar 2012

Organização Festa de Aniversário – Parte 2 (lembrancinhas)

por
Gabi Miranda

Uncategorized

Já tenho ideia do que vou fazer de lembrancinha para o niver do meu Ben. Foi algo que surgiu faz tempo, mas sabe quando vence o prazo de validade da ideia?! É quando faz tanto tempo que você pensou que você começa achar sem graça.

Então fui pesquisar na internet algumas opções. Incrível como os tipos de lembracinhas se repetem: latinha/garrafinhas com balinha (que agora qualquer site de compras coletivas você encontra mega barato), sachês perfumados, fotos, gira cubo (aquele com fotos, já estou começando achar isso brega pra caramba), caixinha em mdf, etc…

Estava quase desistindo quando encontrei a Maria…. Maria Lembrancinha! É um ateliê onde é produzido mimos charmosos, modernosos, cheio de estilo e pompa. Eu fiquei tão encantada, mas tão encantada…!!! Tem mimos para todo tipo de ocasião: aniversário, batizado, nascimento, agradecimento, para receber bem em casa, tem uns convites pra lá de bossa…

Lá eu encontrei a ideia que eu tinha tido para lembrancinha do niver do meu Ben. De repente a ideia voltou a ser uma coisa original e bacana. E eu mesma vou fazer! Não vou revelar ainda o que é, senão perde toda graça, né?! Até porque eu posso mudar de ideia, pois encontrei lá na Maria Lembrancinha outro mimo que eu achei muuuuuuuito bossa. Mas se eu optar por essa segunda opção, vou comprar lá na Maria porque meus dotes de designer e artes manuais não são lá essas coisas. Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

29 mar 2012

Livros pra que te quero

por
Gabi Miranda

Livros

Vamos nos encontrar na praça hoje?! Estou lá no Minha Mãe que Disse falando sobre livros infantis. Estou te esperando.

Beijos

compartilhe!

1

comente!

28 mar 2012

O que se espera de um pai, afinal?

por
Gabi Miranda

Uncategorized

Acompanhei alguns noticiários sobre o acidente que envolve Thor, filho do homem mais rico do Brasil, Eike Batista. Fiquei pasma ao ler em uma das matérias, como se fosse o ato mais digno do mundo, que Thor não havia fugido do local do acidente, ficou para prestar socorro à vítima e esclarecimentos. Como?! Quem vê parece um grande gesto dele, mas o garoto não fez mais que sua obrigação. Era um dever dele naquele momento.

Ontem em sua coluna, a jornalista-escritora-talentosa-pra-caralho Eliane Brum, trouxe o assunto com olhos criteriosos, não só de mãe, mas de cidadã e principalmente de jornalista que tem o dever de informar – sempre com dados relevantes, importantes, de forma imparcial, o que todo jornalista deveria fazer independente se vai falar do Presidente da República ou do cara mais rico do Brasil. O texto inteiro é ótimo e vale muito a pena ler, mas aqui faço um ‘Ctrl C + Ctrl V’ de um trecho específico: Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

27 mar 2012

O papel do super marido e da super esposa

por
Gabi Miranda

Comportamento, Maternidade

Não sei se é impressão minha ou só agora me dei conta, mas ultimamente se vê muito as pessoas falarem sobre o papel da mulher/esposa e do homem/marido. A primeira é responsável por cuidar da casa e filhos, o outro é o provedor com a responsabilidade de trabalhar e ganhar dinheiro. Alguns vão me achar feminista, mas acho esse pensamento tão démodé. Tão atrasado. Não consigo acreditar como num mundo em que vivemos hoje ainda há pessoas com esse tipo de pensamento.

Outro dia falei aqui sobre a colaboração que meu SUPER Marido dá em casa. Acredite, o blog que tem em média 60 acessos por dia, teve 100 acessos nesse dia. Prova de que as pessoas acham lindas declarações de amor, esposa falando bem do marido e marido que ajuda em casa, etc. Escrevi para realmente mostrar meu reconhecimento, mas não acho que sua colaboração seja algo tão grandiosa, tão sensacional, tão prova de amor. Não sei como explicar sem parecer fria, insensível, insensata e cruel, mas vou tentar. Acho que dividir as tarefas é mais que justo, que as responsabilidades domésticas e familiares são dos dois. O marido que ajuda em casa não está fazendo nenhum favor, é uma obrigação dele também.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

1

comente!

tags: , ,

Página 166 de 176Primeira...164165166167168169...Última