17 maio 2017

Dica: como tirar o hábito da chupeta

por
Gabi Miranda

Bebê, Comportamento, Filhos

como tirar o hábito da chupeta

Chupeta é daqueles acessórios que tentamos evitar, mas ao primeiro choro desesperador do bebê, é o primeiro item que nos vem à cabeça. A gente até tenta fugir, mas acabamos usando para acalmar o bebê. Às vezes o bebê não aceita e a gente insiste. Foi o que aconteceu aqui em casa. Stella recusava e eu empurrava o treco até que um dia ela pegou. Não sou contra chupeta, acho que ajuda em muitas ocasiões. Todo bebê tem necessidade de sucção, recurso que o acalma, gera um sentimento de prazer e segurança. A chupeta é uma forma de estimulação oral e de relaxamento.

Leia também: chupeta, use com moderação

.
Defendo o uso moderado da chupeta e de qualquer outro acessório que possa tornar o bebê dependente, pois, quando retirado, pode causar alguma sensação de angústia ao bebê. Além disso, chega um determinado período em que a chupeta se torna prejudicial à formação bucal da criança. Segundo a odonto da nossa família, o uso da chupeta começa a ser prejudicial para a arca dentária a partir dos dois anos de idade.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

1

comente!

tags: , ,

10 dez 2015

Chupeta: use com moderação

por
Gabi Miranda

Bebê, Destaque, Filhos

Não sou contra chupeta, mas também não sou a favor. Com os meus dois filhos tive medo de usar. Benjamin praticamente não usava muito e largou quando tinha poucos meses de vida. Com a Stella resisti à tentação de apresentar, mas num dia de choros enlouquecedores, cedi. Ela não pegou de jeito nenhum por semanas. Até que decidimos comprar outro modelo e após algumas tentativas ela aceitou. Stella não curte muito, quase não usamos durante o dia. O uso se restringe para a hora de dormir. Acredito sim que a chupeta pode ser uma grande aliada, mas pode ser usada com controle. Chupeta: use com moderação.

chupeta

Todo bebê tem necessidade de sucção, recurso que o acalma, gera um sentimento de prazer e segurança. A chupeta é uma forma de estimulação oral e de relaxamento. Também contribui para que a mãe não se torne uma chupeta-humana, afinal quem não coloca o bebê aos prantos no peito pensando que ele está com fome e depois de alguns minutos percebe que ele está apenas chupetando o seio?!
Clique e continue lendo!

compartilhe!

2

comente!

tags: , ,

07 nov 2012

Chupeta, o berçário, a mãe – lá vem história

por
Gabi Miranda

Bebê, Filhos

A chupeta e mais um monte de coisas que estão acontecendo por aqui

chupeta

Há quase dois meses, iniciei o processo de tirar a chupeta do Benjamin. Eu sempre falei que meu filho jamais usaria chupeta (aquela velha história de quando não se é mãe “comigo vai ser diferente”. Conhece?) e na primeira oportunidade empurrei aquele trambolho boca a dentro.

Benjamin não pegava e eu insistia. Até hoje me pergunto por quê (?). Até que um dia ele pegou. Depois de um tempo comecei achar que ele estava usando demais aquilo e vi que era o sinal vermelho. Em casa já limitávamos o uso só para as sonecas e hora de dormir. Não tinha dúvidas com relação ao uso lá no berçário, pra mim era claro que ele ficava com ela o dia inteiro na boca.

Dois sinais me fizeram ter essa conclusão: 1. nas fotos da festinha de seu aniversário no berçário, Benjamin aparece em todas as fotos com a chupeta na boca e apático (eu não reconheci meu filho). 2. Todo santo dia eu entregava ele sem chupeta e todo santo dia ele era devolvido com a chupeta na boca. Eu até falava como quem não quer nada “mas de chupeta, não é hora de dormir”, “ah, de chupeta não dá pro bebê sorrir”…
Clique e continue lendo!

compartilhe!

3

comente!