06 mar 2017

Quando trocar o bebê conforto pela cadeirinha?

por
Gabi Miranda

Bebê, Destaque, Filhos, Produtos

Essa é uma dúvida comum entre os pais: quando trocar o bebê conforto pela cadeirinha?

Trocamos o bebê conforto  pela cadeirinha. Agora Stella está sentada de frente como aparentemente sempre desejou. Ao contrário do Benjamin que trocamos o bebê conforto pela cadeirinha com um ano de idade, trocamos a Stella somente agora com um ano e meio. Isso porque ela não tinha o peso ideal para a troca. Agora, ela não chegou no teto do peso, mas a altura já tinha ultrapassou o limite.

Antigamente, o uso da cadeirinha não era obrigatório. Mas desde 2010 o uso do bebê conforto e cadeirinha são obrigatórios e reconhecido pela Lei da Cadeirinha que determina o uso do bebê conforto, cadeirinha, assento de elevação. Qual desses usar depende da idade, peso e altura da criança:

  • Bebê Conforto: deve ser usado apenas para recém-nascidos com até 13 kg ou 1 ano de idade. Ou ainda quando a cabeça do bebê estiver próxima do topo do equipamento num formato de concha. Deve ser sempre instalado no banco traseiro e de costas para a frente do veículo;
  • Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

08 abr 2016

Bebê conforto e carrinho da marca Cybex agora no Brasil

por
Gabi Miranda

Bebê, Destaque, Filhos, Produtos

A fabricante alemã Cybex lança no Brasil seus cobiçados produtos: bebê conforto e carrinho. Cia do Móvel amplia seu mix e venderá com exclusividade esses itens luxuosos

bebê conforto e carrinho

Imagem Google

Participei quarta-feira do lançamento da linha de bebê conforto e carrinho da marca Cybex e fiquei de queixo caído. Basta uma pesquisa e descobrimos que a marca é líder global no segmento. Referência de segurança, conforto e até design! A marca alemã virou queridinha de alguns famosos como a Top Giselle Bündchen e o craque Neymar.

Pra mim, um bebê conforto é item indispensável no enxoval. O bebê sai da maternidade já nele. Portanto, precisa atender muitas exigências porque é através dele que vamos transportar nosso filho. Principalmente, dentro do automóvel. Precisa ser escolhido com calma, a dedo, e, de preferência, que atenda até certa idade da criança, pois por ser um item de custo elevado, precisa ter muitos benefícios, inclusive o de não ter que ficar trocando a cada ano.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

3

comente!

06 fev 2014

A casa com criança

por
Gabi Miranda

Organização, Terapia do lar

Houve um tempo em que a casa bagunçada me incomodava. Quando digo casa bagunçada, me refiro à bagunça de criança: brinquedos, roupas e acessórios infantis espalhados pelos quatro cantos, de todos os cômodos.

Com o tempo, fui me acostumando à casa com crianças. Os brinquedos espalhados, principalmente, pararam de me perturbar e passaram a transformar o ambiente em festa, cheio de vida, cor, alegria.

Em nossa nova casa, me deparo com brinquedos espalhados frequentemente, pois diferente da outra casa, onde os brinquedos já ficavam armazenados em caixas na sala, Benjamin traz os brinquedos constantemente para sala e ali alguns vão ficando…

São brinquedos espalhados, adesivos colados onde não deve e daqui a pouco (na outra casa já tinha) paredes e portas rabiscadas.

casa com criança

Como nosso apartamento é pequeno, acho que fica mais evidente quando os brinquedos estão espalhados. Benjamin não tem uma área só pra ele além do seu quarto – por sinal, bem pequeno. Portanto, ele pode explorar os espaços comuns da casa, inclusive a varanda. Sempre o deixamos à vontade para espalhar seus brinquedos, contanto que tenha limites. Brincou, guardou.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

27 jan 2014

Memória de criança – por Roberto Piffer

por
Gabi Miranda

Uncategorized

Pesquisando algumas bobeiras pela internet, descobri que as crianças registram acontecimentos na memória somente após os 4 anos de idade. Descobri não, né… já sabia que não nos lembramos de tudo desde o momento em que nascemos, mas não sabia ao certo qual a idade em que as memórias passam a ficar gravadas e gerar lembranças para nós.

Alguns dias depois disso, me ocorreu um estalo: se o Benjamin tem apenas 2 anos e meio, tudo o que fizemos juntos até agora não será lembrado por ele. Ou seja, tudo que ensinei a ele e até que aprendemos juntos, não ficará na lembrança dele. Tive a sensação de que, a partir dos 4 anos de idade, tudo na vida dele começará do zero!

E todos os momentos legais que passamos juntos? E todas as coisas que fizemos: as vezes que jogamos bola, nadamos na piscina, experimentamos frutas novas, pulamos na cama? A casa em que vivemos os primeiros anos? Os apuros que passamos: trocar fralda nos shoppings, fugir da chuva, correr das pombas, atravessar a rua no colo? Tudo isso será simplesmente esquecido? Clique e continue lendo!

compartilhe!

1

comente!

15 out 2013

Benlindo na semana da criança

por
Gabi Miranda

Uncategorized

A semana passada inteira teve dia de bagunça (no bom sentido!) na escolinha. Nós que adoramos uma farra nos programamos para cumprir a proposta da escola que era cada dia enviar a criança caracterizada com um tema. Benjamin se mostrou um verdadeiro fanfarrão. Confira:

Segunda-feira: Dia da meia colorida. A mãe esqueceu de registrar.

Terça-feira: Foi dia do boné. Benzoca foi com o seu boné do Barça, presente da tia Rosana, que trouxe de Barcelona quando ele ainda era um bebezinho. E juro, ele que ajeita o boné assim na cabeça. Diz se não é cheio de bossa…

foto 1

 Quarta-feira: Era dia do esquisito. Foi difícil porque o recado da escola dizia “dia do esquisito” e que era para ir disfarçado. Fizemos aí uma mistura de roupas. A camiseta do Mickey, por exemplo, faz parte de um pijama.

foto 2

Todo mundo me perguntou como eu fiz pra ele fazer essa pose na segunda foto. Sério, não fiz nada. Ele é muito fanfarrão mesmo! Clique e continue lendo!

compartilhe!

1

comente!