10 jul 2017

Como fazer o bebê pegar a mamadeira

por
Gabi Miranda

Bebê, Destaque, Filhos

pegar mamadeira

Eu tinha muita resistência de fazer post sobre dicas. Esse blog nasceu com o intuito de compartilhar histórias. As nossas histórias. Com o tempo as leitoras começaram a me mandar perguntas de como eu fazia tal coisa e quando vi estava aqui dando alguma dica. Esse post inclusive, nasce de um pedido de uma leitora. Ela me procurou me pedindo uma dica para fazer seu bebê pegar a mamadeira.

Eu sou super a favor do aleitamento materno. E quem me acompanha aqui sabe o quanto eu sofri quando desmamei a Stella aos 5 meses. Vários fatores contribuem para uma mãe desmamar seu bebê muito cedo. E no meu caso, além de ter diminuído muito minha quantidade de leite, voltei a trabalhar nessa mesma época. No caso dessa leitora, o filho dela está com 1 ano e 3 meses e ela não pretende desmamá-lo, mas está muito exausta e precisa de ajuda para equilibrar a situação. Ela quer continuar oferecendo seu leite, só que na mamadeira.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

06 jul 2017

Casa segura nas férias com Check-Up Kids SulAmérica

Férias é tempo de cuidado redobrado com as crianças, por isso faça um check-up na sua casa

Nas férias de julho 2016, ganhamos um voucher para fazer o  Check-Up Kids – um serviço da SulAmérica Residencial para garantir a segurança das crianças dentro de casa. Na época, agendamos e o serviço foi realizado. Dois profissionais especializados chegaram em casa e verificaram todos os cantinhos e detalhes da nossa casa, indicaram o que fazer para tornar nosso lar ainda mais seguro para as crianças. A Stella estava desbravando a casa como se fosse o universo. O Benjamin já tem noção de perigo, do que pode e não pode, mas é sempre bom prevenir.

Móveis, tomadas, portas, dentro dos armários e vários outros itens foram checados. Ao todo não tivemos muita advertência, mas ganhamos algumas sugestões de melhorias. Em época de férias, resolvi compartilhar aqui essas sugestões.

Lavanderia/área de serviço 
No armário da lavanderia estávamos armazenando sacolas e uma garrafa de água sanitária na parte de baixo. A sugestão foi subir esses itens para as prateleiras mais altas. Sacolas oferecem perigo de asfixia e a água sanitária pode ser ingerida por uma criança menor de 3 anos que não sabe o que é aquilo. Outra dica é colocar trava na porta do armário.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

26 jun 2017

Onde comprar sapato infantil em São Paulo

por
Gabi Miranda

Destaque, Filhos, Produtos

Você sabia que Birigui, uma cidade do interior de São Paulo, é a capital do calçado infantil? E que esse é o lugar ideal para comprar sapato infantil? Eu não sabia até descobri recentemente ao receber um presente para a Stella da loja B+B. A cidade fica a 540 km da capital paulista e é considerada o maior pólo industrial da América Latina especializado em calçado infantil. É responsável por 52% do produto comercializado no país.  Ou seja, muitos sapatos usados por nossas crianças no Brasil, é produzido em Birigui. E muitas vezes pagamos caro num sapato com marca famosa e não sabemos a história dele.

Se refletirmos a fundo, imaginamos que diversas empresas produzem milhões de pares por ano e consequentemente geram empregos. E tem também um outro lado. Envolve mães e pais empreendedores, que buscam qualidade de vida e mais tempo com seus filhos. Pessoas que se arriscam em algum segmento para transformarem suas vidas. E é aqui que começa a inspiração desse post. Semanalmente, recebemos lá em casa vários produtos, muitos bacanas e dos quais compartilho com os leitores nas redes sociais. Entre eles, recebi dois pares de sapatos incrivelmente lindos para a pequena. A Eduarda, havia entrado em contato comigo dizendo que era minha fã e que queria muito enviar um presente para a Stella e se eu poderia passar nosso endereço. Uau! Senti-me lisonjeada.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

23 jun 2017

Chácara Turma da Mônica uma alternativa para aniversários infantis

por
Gabi Miranda

Destaque, Festas

Benjamin teve duas comemorações de aniversário, sendo uma delas na Chácara Turma da Mônica e hoje conto como se deu a escolha.

chácara turma da mônica

Decidimos fazer uma festa pequena para o Benjamin, mas no último minuto do segundo tempo, meu pai achou uma pena não celebrarmos com a nossa família toda e achou que deveríamos pelo menos juntar a família num almoço. Aí lá vou eu procurar uma alternativa que pudesse agradar a todos, mas principalmente as crianças. Afinal, se era um aniversário infantil, não faria sentido ser um almoço num restaurante onde as crianças não fossem bem-vindas ou tivessem que ficar sentadas do início ao fim.

Passei um dia buscando opções que pudessem agradar os dois públicos: adultos e crianças. Aliás, me surpreendi que eu nunca tivesse feito um post sobre restaurantes que não só recebem bem os pequenos, mas que tivessem espaços kids. E me surpreendi ainda mais não ter encontrado pela internet informações atualizadas a esse respeito. Depois de ter ligado em diversos lugares e feito várias pesquisas, me lembrei da Chácara Turma da Mônica. Eu já tinha sido convidada na época do lançamento, mas não pude ir por compromissos profissionais. Passou e acabei nem conhecendo o local depois. Li e ouvi que se tratava de um lugar caro. Porém, tinha ligado em diversos lugares que ofereciam espaço kids e todos com o ticket médio de R$ 85,00, sem contar bebida, sobremesa e 10%.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

1

comente!

21 jun 2017

Festa do pijama do Ben

por
Gabi Miranda

Destaque, Festas

Festa do pijama hoje em dia está em alta e é uma ótima alternativa para comemorar aniversários ou até mesmo para reunir aquela turminha de amigos dos nossos filhos.

Desde o início do ano, combinamos de não fazer uma festa grandiosa para o Benjamin. Mas a ideia de não ter uma comemoração também não faz parte do meu perfil. Então, para celebrar essa data que é muito importante em nossas vidas, resolvemos alinhar uma alternativa econômica, mas também divertida e inesquecível numa festa do pijama.

Procurei algo que fosse fácil de organizar e que pudesse ser feito tudo por mim e pelo marido, gastasse pouco e que incluísse apenas os amiguinhos íntimos do Ben. Concluímos que faríamos festa do pijama quando conheci a Fofurices Mimos e Festas. A Fofurices é uma empresa de mãe empreendedora que assim como toda mãe, tem o objetivo de eternizar os bons momentos da infância. A Elomara, proprietária, planeja a festa dos nossos filhos com toda dedicação e carinho para fazer da festa do pijama uma noite de sonhos. Além de oferecer as cabanas decoradas e lembrancinhas, ela oferece um roteiro com brincadeiras e comidinhas para serem servidos no dia da festa.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

5

comente!

19 jun 2017

Bolo de aniversário em formato de número

Era uma vez uma mãe que não sabia fazer bolos. Ela inventou que queria fazer o bolo de aniversário em formato de número, em comemoração aos 6 anos do seu filho primogênito. Não era um simples bolo. Ela queria que o bolo fosse em formato de número 6 representando essa idade linda que completaria seu filho. Lá foi ela pesquisar uma receita fácil de bolo de chocolate. Uma amiga que sabe que Comida Boa Muda Tudo indicou a receita de uma amiga com opiniões que não cabiam na telinha da TV.

Um dia antes da festa de aniversário, essa mãe que trabalha fora, mas é absurdamente preocupada em criar lindos momentos que fiquem eternizados na memória dos seus filhos, foi pra cozinha colocar a mão na massa. Ela acordou cedo, preparou brigadeiros, deixou tudo no jeito para fazer o bolo e saiu para uma reunião de trabalho. Na volta, ela bateu o bolo com todos os ingredientes, inclusive todo o amor que há nesse mundo. O bolo cresceu e ficou lindo e gostoso – mais isso ela só confirmaria no dia seguinte.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

1

comente!

09 jun 2017

Equilibrosa, o livro

por
Gabi Miranda

Destaque, Livros, Puericultura

 

Conheci o blog Equilibrosa por indicação de uma grande amiga e madrinha da Stella, a Dani. Lembro que entrei primeiro na página do facebook e me deparei com a seguinte frase:

“Quando nasce uma criança, nasce também uma oportunidade, e isso vale pra mãe, pro pai, pra tia, pra avó…”

Aquela frase tinha tudo a ver com a minha crença, sempre enxerguei a maternidade como uma grande oportunidade de criar um ser humano e contribuir para um mundo melhor, oportunidade para viver e enxergar o mundo com outros olhos. Foi o suficiente para pular pro blog e ler numa tacada só o blog todo.

Dois anos depois, agora em 2017, nasceu virtualmente uma amizade entre eu e a Mônica, a autora do blog Equilibrosa. Quem nos uniu foi a escritora italiana Elena Ferrante. Vejo muita semelhança entre a escrita de uma com a da outra. Virei fã incondicional das duas.

Gosto do Equilibrosa por vários motivos. Com a chegada da Stella passei a me identificar ainda mais com as histórias e reconhecer ali que não estou sozinha nessa jornada. É um blog materno diferenciado, feito com amor e nada comercial – coisa rara atualmente. Naquele espaço não encontramos dicas, mas histórias reais como a minha, a sua e a de um milhão de mães por aí. Além de amor, tem empatia de sobra.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

07 jun 2017

Quando está na hora do desfralde?

por
Gabi Miranda

Bebê, Desenvolvimento, Destaque

Dúvida comum entre as mamães: quando chega a hora do desfralde?

.

Recebemos dois bilhetes da escola da Stella indicando que estava na hora do desfralde dela. O primeiro eu fingi que não vi (quem nunca?) e o segundo eu não pude mais evitar. Lembro até hoje quando recebi o bilhete falando da hora do desfralde do Benjamin. Essa é uma notícia que chega inesperadamente, pega a gente de surpresa. O bebê cresceu!

Já me peguei ansiosa pensando no desenvolvimento infantil das crianças, mas para a hora do desfralde nunca tive pressa nenhuma. Com o Benjamin foi um processo muito tranquilo que correu sem pressa e muito bem quando iniciamos.

Embora a escola acredite que Stella esteja preparada, eu não tenho muita convicção. Stella já avisa há algum tempo que fez cocô, mas não acho que esse indício seja o suficiente para concluirmos que é a hora do desfralde e que ela está pronta para passar por esse processo. Não sou especialista no assunto, mas tenho um case de sucesso com o Benjamin e quais foram os sinais que me fizeram ter certeza que era a hora do desfralde dele?
Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

02 jun 2017

Cama Montessoriana

por
Gabi Miranda

Comportamento, Destaque, Filhos, Produtos, Sono

O aspecto que mais me atrai em relação a cama Montessoriana, é o fato de dar liberdade às crianças. Para Maria Montessori, liberdade é um conjunto de “condições favoráveis à vida”. É claro, precisamos tomar alguns cuidados de segurança para implementar o uso da cama Montessoriana, mas é possível usar esse modelo até para os bebês.

O método Montessori tem como foco o desenvolvimento da criança durante a primeira infância. Parte do principio que toda criança tem capacidade de aprender através de um ambiente desenvolvido para elas. Um lugar onde possam explorar e manifestar seus interesses. Envolve ambiente adequado e adultos preparados para contribuir com o desenvolvimento da criança.

cama montessoriana

A experiência também contribui para que façamos escolhas diferentes. Com o Benjamin entramos com esse modelo de cama um pouco mais tarde (por volta dos 3 anos), já com Stella mais cedo. Tem também um aspecto de respeitar o tempo, o ritmo e a personalidade de cada filho. Hoje observo mais e deixo livre para que a Stella explore o mundo. Porque esse mesmo mundo contribui para o desenvolvimento dela.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

29 maio 2017

Penteados infantis para meninas

por
Gabi Miranda

Bebê, Destaque, Filhos

Sempre sonhei em ter uma menina, mas juro que nunca pensei no trabalho que dá arrumar uma menina pra sair de casa. Meninos são muito mais simples. Meninas poderiam ser também, se a mãe não inventasse tanto. E eu sou dessas. Uma das coisas que tenho descoberto são os penteados infantis e adoro fazer na Stella antes de sair.

Acontece que ela não para quieta e aí tenho sempre que estar inventando algo para convencê-la a me deixar penteá-la. Até agora, duas formas deram certo. 1. Levá-la pra frente do espelho e mostrar que arrumaríamos o cabelo dela. Mas passei a achar isso meio narcisista. Sem contar que logo ela começa a ficar inquieta e brava. 2. Pentear o cabelo dela com ela penteando o do Benjamin. Essa tática é a que mais dá certo aqui em casa, mas coitado do Ben. Hihihi

Dessa forma, tenho conseguido fazer alguns penteados infantis na Stella, mas claro, tô longe de ser expert no assunto. As tias da escola são graduadas nisso e fazem penteados infantis lindinhos na pequena. Com elas que aprendo um pouquinho. Precisa de muito talento pra isso. Eu me esforço.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

2

comente!

Página 2 de 27123456...Última