05 nov 2015

10 atividades para estimular o bebê de 0 a 3 meses

por
Gabi Miranda

Bebê, Filhos

Imagem Google

Imagem Google

Engana-se quem pensa que não existem atividades para um recém-nascido. Atividades para estimular o bebê são importantes desde o início de vida. Para um recém-nascido cada hora e dia é uma grande surpresa. Mesmo tão pequenos, eles possuem grandes competências de ritmo, variação e, portanto, para desenvolvimento acima do esperado.

Pense um pouco: quando tem apenas 1 semana de idade, o bebê já é sete dias mais velho que no dia em que nasceu; no final do primeiro mês, ele está anos-luz à frente do que estava no primeiro dia; e o processo continua nessa velocidade. (Tracy Hogg, Encantadora de Bebês)

Esse progresso pode ser comprovado justamente quando fazemos atividade para estimular o bebê. E o que pode ser considerado atividades para o bebê? Tudo o que ele faz enquanto estiver acordado, até trocas de fraldas, mamadas e banho, são considerados atividades nessa época em que são tão pequeninos. Mas conforme as semanas vão passando, o recém-nascido passa a dormir menos horas durante o dia – o que é normal e de certa maneira ótimo, afinal ele não pode trocar a noite pelo dia.

Ao nascer, o bebê já tem percepção – algo desenvolvido ainda no útero. Assim, como a voz da mãe já é reconhecida desde a vida uterina. Os cinco sentidos (audição, tato, visão, olfato e paladar) continuam sendo desenvolvidos e é justamente realizando atividades que eles ficam cada vez mais apurados. Alguns podem não acreditar que uma mera troca de fralda ou uma massagem ou ver o móbile girando seja considerado uma atividade, mas é. E é através dessas atividades rotineiras que o bebê desenvolve ainda mais seus sentidos, se percebe, interage com o outro e compreende o mundo em que chegou.

Realizar atividades com o bebê, também estimula sua segurança, independência e nosso vínculo com ele. Mas isso não significa que precisamos estimulá-lo 100% do tempo, precisamos ficar atentos aos sinais, se o bebê estiver com sono, por exemplo, não é legal ficar estimulando-o com objetos, música com volume alto, etc. Explore os sentidos do bebê, mas não esqueça que é preciso respeitá-lo. O ideal talvez seja estabelecer uma rotina com dinâmicas harmoniosas. Essa rotina ajuda, inclusive, mães que passam mais tempo sozinhas com seu recém-nascido, afinal sabemos o quanto é difícil ficar só com um bebê, às vezes não sabemos como agir e ficamos cansadas só de não fazer nada com um bebê e o período que ele passa acordado acaba sendo interminável.

E foi também para um aproveitamento melhor de tempo com a Stella, que desde quando começamos a ficar sozinhas e fomos nos conhecendo, pude estabelecer algumas atividades para fazer enquanto ela está acordada. Colocado em prática, os dias começaram a passar mais rápidos e vejo o quanto ela é atenta, observadora e como gosta de conversar. Agora compartilho com vocês 10 atividades para estimular o bebê, de acordo com a rotina que estipulei aqui em casa:

  1. Banho de sol
    Todos os dias de manhã tomamos banho de sol. Pediatras afirmam que 15 minutos já são suficiente para o corpo absorver a vitamina D, mas nós ficamos sempre uma hora, geralmente das 9:00 às 10:00. Stella acaba dormindo no final.
  2. Música
    Quando ela acorda escutamos música por umas 2 horas direto.
  3. Dançar
    Na maioria das vezes que escutamos música, também danço com ela em meu colo.
  4. Passeio pela casa
    Nesse momento, saio andando com ela pela casa apresentando-lhe os cômodos, mostrando os quadros, contando a história do nosso lar. Na maioria das vezes é o momento que ela tira sua segunda soneca.
  5. Cadeirinha de balanço
    Depois de arrotar após uma mamada, uso a cadeirinha da Fisher Price que temos. Sento perto e fico batendo papo com Stella. Para eu almoçar também uso essa tática.
  6. Conversar
    Todo dia, ao acordar, ficamos uma hora deitadas na minha cama conversando. É a hora que ela mais balbucia. Converso também durante as trocas de fraldas, banho, a todo instante.
  7. Colocar objetos coloridos para o bebê ver
    Costumo brincar com Stella mostrando uma bolinha amarela que emite um barulhinho, escondo e fico balançando para ela ouvir o barulhinho e ela ficar procurando.
  8. Contar uma história
    Quando estou sem assunto, sem criatividade para conversar com a Stella, eu leio um livro fazendo caras e bocas pra ela, que adora esse “teatrinho”. Também canto, apesar da minha voz de taquara.
  9. Massagem
    Depois que aprendi a Shantala, sempre rola ao final do dia.
  10. Banho
    Banho é sempre nosso último ato do dia. Mesmo que eu já tenha dado um banho mais cedo, nunca deixo de dar outro no início da noite.

Lembre-se: é importante estimular os sentidos do bebê, mas sempre devemos tomar cuidado para não estimulá-lo exageradamente. O essencial é respeitá-lo sempre.

compartilhe!

0

comente!

0 resposta para “10 atividades para estimular o bebê de 0 a 3 meses”

  1. […] me ajudou e muito até para aproveitar melhor o tempo com a Stella. Foi a partir daí que estipulei 10 atividades para estimular o bebê e realizar com a Stella diariamente. Claro, sempre respeitando-a e conversando com ela, como […]

Comente!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.