05 dez 2018

Roda das competências e Roda da Vida

por
Gabi Miranda

Comportamento, Produtividade

Você já ouviu falar da roda das competências? Eu já tinha visto e até feito uma, mas não me lembrava mais até fazer minha primeira sessão de coach com a Cath. Trata-se de uma ferramenta do coaching para avaliar o grau de comprometimento que você tem com seus objetivos. Na verdade, é uma ferramenta muito bacana para você usar para acompanhar objetivos específicos que você deseja alcançar.

Conheci a roda da competência num curso de empreendedorismo que fiz. Mas não sabia que tinha esse nome. E quando a conheci foi fazendo um exercícios de competências mesmo. Cada parte do círculo referia-se a alguma dessas habilidades: comunicação, inovação, empreendedorismo, desenvolvimento de pessoas, relacionamento interpessoal, criatividade, liderança de equipe e orientação para o cliente.

Como funciona a roda das competências?

Mas a roda das competências pode ser utilizada para diversos fins. É uma ferramenta muito utilizada em processo de coaching profissional, mas você pode usá-la no seu dia a dia. Porque te ajuda estipular os objetivos e a refletir sobre cada um dos itens escolhidos. Eu acredito que quando escrevemos nossos objetivos, conseguimos ter mais clareza do que queremos, consequentemente conseguimos fixar e encontrar os recursos certos para realizarmos o que for preciso.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

03 dez 2018

Dieta digital e dicas de como se desligar mais do celular

Se você está lendo esse post, muito provavelmente está no celular ou deixou ele de lado e está no computador. Há quase dois meses comecei uma dieta digital. Primeiro eu tinha chamado de detox digital.

Em tempos que se fala em essencialismo e atenção plena, dedicar tempo ao que realmente nos importa, comecei a refletir sobre como ficar algumas horas longe do celular poderia me proporcionar uma nova forma de enxergar a vida e aproveitá-la da melhor forma. E o tempo que a gente passa no celular tem tudo a ver com isso.

Então, decidi que faria uma dieta digital, que nada mais é que equilibrar o tempo de uso do celular. A palavra dieta vem do Latim diaeta, que vem do grego “díaita”, que significa modo de vida. Ou seja, escolhi olhar com atenção e mudar o meu modo de vida. E comecei a ler sobre a era digital em que vivemos e descobri que tudo está ligado com outros temas interessantes que gosto como propósito, essencialismo, atenção plena, produtividade.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

23 nov 2018

Pais de Primeira: a vida com um bebê

Semana passada participei da coletiva de imprensa da nova série da Rede Globo: Pais de Primeira. A série trata os prazeres e as angústias que envolvem a chegada de um bebê, principalmente as mudanças na vida de um casal. Os dramas são relatados com pitadas de humor e é uma série escrita por Antonio Prata, Chico Mattoso, Thiago Dottori, Bruna Paixão e Tati Bernardi.

pais de primeira

Mas não é um humor forçado não! É tudo bem natural, cativante e sem clichê. Ao contrário de muita coisa que a gente vê por aí sobre maternidade. Há um tempo atrás, comecei a assistir uma série na Netflix chamada Turma do Peito. A começar pelo nome – ruim demais a tradução – não me agradou em nada. Para alguns, Turma do Peito aborda a maternidade sem máscaras. Pra mim, aborda de um jeito bem forçado. Eu pelo menos não me identifiquei e de cara abandonei no primeiro capítulo.

Já Pais de Primeira aborda questões interessantes como, por exemplo, a relação dos avós/sogros e como mudou essa configuração. Se pararmos para pensar, antigamente, a figura da avó era aquela da senhora na cadeira de balanço tricotando. Elas eram vistas como cuidadoras dos netos. Atualmente, encontramos vários perfis de avós. Aliás, o papel de avós e tios se transformou muito de alguns anos pra cá por conta da rotina de cada um. Não estou falando que os avós e tios não participam de mais nada. Na verdade, eles ainda querem participar de tudo em relação a chegada dos netos e sobrinhos, porém possuem outras configurações. E aí o papel das atrizes Marisa Orth e Heloísa Périssé explica bem o que quero dizer.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

19 set 2018

Leis espirituais: aceite a impermanência das coisas

por
Gabi Miranda

Comportamento, Destaque, Maternidade

Desde segunda-feira quando disse que ser demitida foi a melhor coisa que me aconteceu, tenho recebido lindas mensagens de seguidoras. Pessoas que me conhecem apenas pelo blog e redes sociais, dizendo o quanto é perceptível a minha mudança durante esse ano e o quanto eu inspiro elas. Uau! Sinto certa responsabilidade por isso. E fico pensando que elas só conhecem uma parte de mim.

Costumo dividir a minha vida em três partes. Antes e depois do Benjamin. E depois de perder a minha mãe. Foram os dois fatores mais transformadores da minha vida toda. E claro, com o episódio da minha mãe foi o que mais aprendi. Parece uma lei cósmica, mas quando sofremos, ganhamos resistência para enfrentar diversas situações e superar obstáculos que jamais imaginamos. A lembrança mais forte que tenho da noite em que estava perdendo minha mãe, foi de ligar para meu pai no Rio de Janeiro para contar o que havia acontecido e dizer: eu não vou conseguir sem ela. Inexplicavelmente, a vida nos dá uma força que nos impulsiona a vencer e superar qualquer dificuldade, até mesmo os grandes sofrimentos.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

5

comente!

12 set 2018

Inspirações de Look do dia no Pinterest

por
Gabi Miranda

Comportamento, Destaque, Maternidade

Você acredita que a roupa que usamos influencia o nosso dia?! Eu acredito! E o estado de espírito pode mudar de acordo com a roupa e a cor que usamos.  Tem dias que não estamos muito inspiradas para pensar em look do dia. E em outros a gente acaba repetindo as mesmas peças. Eu, pra falar a verdade, tenho dificuldade de fazer outras combinações. E confesso, tenho medo de arriscar quando se trata de look do dia. Considero que tenho um estilo básico. Já faz algum tempo que resolvi me colocar um desafio: tentar ser mais criativa na hora de montar os looks. É aí que entra a minha fonte de inspiração para look do dia: o Pinterest.

Isso mesmo, essa rede social queridinha, amada por todos é um poço sem fim de inspirações de tudo o que é tema. Inclusive, sobre o que vestir. Vez ou outra, posto no meu instagram meu look do dia (se você ainda não me segue lá, façaofavô de clicar aí: @bossamae). E, recentemente, tive a ideia de postar de onde veio a inspiração.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

2

comente!

30 ago 2018

Atenção Plena – Mindfulness

por
Gabi Miranda

Comportamento, Destaque, Produtividade

atenção plena

Esse livro “Atenção Plena Mindfulness – como encontrar a paz em um mundo frenético“, era o primeiro livro da minha lista de livros para ler em 2018: um livro por mês. Em 2017, conheci essa prática, Mindfuness que nada mais é do que viver em atenção plena. Desde então decidi que estudaria sobre meditação. Comecei a ler bastante sobre o assunto e comecei a praticar meditação após ter lido esse livro. Em pouco tempo praticando meditação, percebi que esse negócio é poderoso. Provoca mesmo mudanças em nós, em nosso estado de humor e nos níveis de bem estar.

Estudos mostram, e isso é uma informação desse livro, que a prática da atenção plena não só previne a depressão, como afeta positivamente os padrões cerebrais responsáveis pela ansiedade e pelo estresse do dia a dia. Também melhora a nossa memória, aumenta nossa criatividade e fortalece até o nosso sistema imunológico. São vários os benefícios, inclusive ajuda na tomada de decisão. A gente para de tomar decisões por impulsos.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

tags: ,

23 ago 2018

Por que presenteamos as meninas com brinquedos de casinha?

brinquedo de casinha

É verdade! Eu não gosto que minha filha ganhe brinquedos de casinha. E outro dia, no aniversário dela, que disparate! Peguei-me comprando um microondas de brinquedo. O treco me cativou porque a parte interna girava, acendia luz e ainda apitava. Jura, parecia muito com um de verdade e ainda custava 19,90. Minha filha ama brinquedos de casinha. Ela ama brincar de fazer comidinha. Por isso, me vi ali seduzida por algo que ela vibraria ao receber. Todo o meu discurso jorrado na minha testa.

Marido, vendo a minha situação, me incentivou: você está ensinando a praticidade da vida da mulher moderna. Ahã! Comprei e está comprado. E não foi só ela quem adorou. O irmão também gostou. Às vezes me esqueço desse detalhe. Ele também brinca coisas as coisas dela. E uma das coisas que adoro é vê-lo brincando de boneca com ela.

Pensando nisso, chego naquela teoria de que as crianças precisam vivenciar diferentes papéis e isso só é possível através das brincadeiras. É brincando que as crianças fazem descobertas. E imitar a vida através das brincadeiras é fundamental para seu desenvolvimento, porque é uma oportunidade da criança se descobrir em vários sentidos. Brincar cria condições físicas para o corpo, coordenação motora, desenvolve o emocional, amplifica os horizontes, traz regras de convivência. Brincar é um grande convite para o mundo.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

21 ago 2018

Desafio Criativo

desafio criativo

Há 30 dias comecei o Desafio Criativo Carinhas. A proposta é um mês com uma tarefa por dia para estimular a criatividade. E eu diria que o autoconhecimento também.

Bom, comecei meu desafio criativo dia 15 de julho e terminei recentemente. Teve furo no meio do caminho, dias que pulei e consegui correr atrás do tempo perdido. Mas a ideia é realizar o desafio diariamente. E teve o último desafio. Que era criar um texto contando sobre a experiência desses últimos 30 dias de desafio: o que senti, como eu fiz para perseverar e não desistir, como foi a experiência no geral.

Primeiro vale dizer que eu nunca me achei uma pessoa tão criativa. E marido sempre diz que todo mundo é criativo. Outro dia, recebi uma explicação ainda melhor sobre isso. 1. Todo mundo é criativo. 2. A criatividade se revela de forma diferente para cada pessoa. 3. Criatividade é algo que pode ser ensinado e desenvolvido. 4. Mas para a criatividade ser desenvolvida precisa de oportunidade. Ou seja, se as pessoas são expostas a oportunidades que estimulem a criatividade.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

20 ago 2018

Diário da gratidão – A importância de agradecer

por
Gabi Miranda

Comportamento, Destaque, Maternidade

diário da gratidão

Eu faço um diário da gratidão. É um caderninho onde todos os dias registro nele de 3 a 5 coisas pelas quais fui grata durante o dia. É um exercício maravilhoso! No começo eu acabava repetindo diariamente as mesmas coisas pelas quais sou grata. Pelos meus filhos, a saúde de todos, pela vida e pelo dia de sol. No entanto, com o tempo, comecei a aprimorar mais a arte de agradecer.

Tem dias que são difíceis de agradecer. E hoje lembrei de uma frase que costumo dizer: nos dias difíceis fale de amor. E quase acabando esse dia, refletindo sobre os acontecimentos dessa segunda-feira, transforme a frase. Nos dias difíceis agradeça!

Porque é isso, temos que agradecer todos os dias. É fácil amar alguém quando tudo está mil maravilhas, quando os defeitos da pessoa amada estão adormecidos. Assim como é fácil agradecer sempre quando nos sentimos satisfeitos com algo que recebemos ou conseguimos. Mas quando as coisas não saem do jeito como gostaríamos? Precisamos agradecer também! Porque algum motivo tem para nem tudo sair como planejamos.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

14 ago 2018

Criança não namora

criança não namora

Já faz algum tempo que recebi essas fotos da campanha “Criança não namora“. Na época, salvei as imagens justamente para fazer um post aqui para o blog. Porque sempre pensei nessa coisa dos adultos intitular algum amiguinho como namorado. Isso sempre me incomodou quando eu era mãe só do Benjamin. Sempre tinha alguém perguntando se ele tinha namoradinha. Com a chegada da Stella, o foco mudou. E sempre achei ridícula e de mal gosto aquela piadinha “agora você é fornecedor”.

Criança não tem namorado. A relação que existe entre crianças é de amizade. E porque não falamos disso com elas? Não explicamos o quanto é valiosa e importante a amizade. Insistir nesse negócio de namoro na infância é incentivar que elas virem adultas antes do tempo. E já basta a indústria fazer isso o tempo todo. São brinquedos, roupas, assessórios e até cosméticos investindo na adultização infantil.

Leia também: o poder do discurso materno

Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!