29 jul 2019

Como montar uma mala de viagem pequena para 15 dias

por
Gabi Miranda

Destaque, Viagem

Quem me acompanha no Instagram sabe que agora em julho (2019) fiz uma viagem de 15 dias pela Europa sozinha com meu pai. Sem crianças. E foi bem mais fácil montar uma mala de viagem pequena para 15 dias. Já contei AQUI como organizar uma mala para uma viagem de 15 dias em família pela Europa. Agora o post de hoje é sobre uma mala mais minimalista.

mala de viagem

Nessa última viagem que fizemos em família, em 2017, a companhia aérea perdeu nossa mala (que estavam com todos os nossos pertences) pelos 15 dias da viagem. Na época, eu estava passando por um processo de autoconhecimento e estudando muito sobre minimalismo. Estava aprendendo a dar valor ao que realmente importa na minha vida. E achei que o ocorrido com a mala foi como uma prova do universo, do tipo: vamos ver se ela está pronta para tudo o que tem aprendido. A viagem foi incrível e muitas pessoas não entendiam como eu estava encarando a situação numa boa. Claro, que tivemos muitos desafios. Mas foi um aprendizado a mais e tanto.

Bom, desde então, eu não só aprendi sobre as coisas que de fato adicionam valor à nossa vida, como também aprendi a montar mala de viagem com coisas que de fato podem ser necessárias numa viagem. Peço desculpas pela falta de imagens, pois só pensei em produzir esse post, depois de tantas mensagens no Instagram sobre a minha mala. As pessoas ficaram chocadas ao saber que fui para Europa apenas com uma mala de mão. E mais chocadas ainda quando viam as coisas que saiam da minha mala. Nesse post, vou tentar expressar em palavras o que não falei no vídeo: como montar uma mala de viagem pequena para 15 dias. A ideia do vídeo também surgiu após os comentários e os pedidos de dicas. Portanto, ele foi feito na volta da viagem, quando fui desmontar a mala.

Como montar uma mala de viagem pequena para 15 dias

mala de viagem

Preciso dizer que pra mim foi bem fácil montar uma mala para o verão na Europa. Primeiro, que eu amo verão. Segundo, que roupas de verão são menores, portanto achei mais fácil montar uma mala com roupas pequenas. Mas tenho que falar que eu não pesquisei o tempo em Berlim, então arrumei a mala imaginando que seria o mesmo verão da Itália.

Ah sim, os destinos durante esses 15 dias foram nessa ordem: Roma, Berlin, Praga e Genebra.

Em Berlim, apesar de fazer bastante calor, achei a previsão de tempo bem parecida com São Paulo. Ou seja, todas as estações do ano acontecem no mesmo dia. rs Chove, faz sol e calor, depois fica nublado e sol novamente.

Mas como eu me planejei em relação aos looks?

Eu tenho muita dificuldade em escolher a roupa que vou vestir antes da hora. Ou seja, dificilmente eu escolho a roupa do dia seguinte na noite anterior. Eu sempre preciso acordar e sentir como estou me sentindo naquele dia, o que quero transmitir para o mundo. Então, eu pensei na programação do roteiro, nos passeios que faria e em que dias. Isso ajudou na hora de pensar nos looks que gostaria de usar.

Pensei também nas partes de baico que poderiam ser usadas novamente (e eu só repeti uma parte de baixo). Afinal, não precisa ser uma parte de baixo para cada dia. E ainda assim pequei, pois sobraram 2 saias e 1 short sem usar. Ou seja, não precisa ter levado na mala.

Ah, roupas íntimas! Eu levei 15 calcinhas (uma para cada dia, considerando que durmo sem). Mas não usei tudo porque acabei lavando no hotel de Berlim, mas esse é um item que não abro mão de ter um pra cada dia, porque às vezes pode não secar direito, enfim…

Levei 4 pares de sapatos, além de chinelo!!! Sendo 2 tênis e 2 sapatilhas para dias em que eu quisesse dar um ar mais arrumadinho. Mas sempre opções confortáveis.

Uma fonte de inspiração pra mim é a  a Ana Soares do Hoje vou Assim Off, atual Moda Pé no Chão.

Dicas práticas para motar a malar de viagem

Como disse acima, eu não vi a temperatura das cidades, só fui na cabeça que era verão. Eu conhecia o outono da Itália e já sabia que era bem quente. Mas sugiro que antes de montar a mala, seja pesquisado a temperatura de cada lugar. Mas mesmo assim, vá preparada para tudo!!! Eu só levei uma jaqueta e duas calças pretas tipo legging (uma que fui no corpo e outra que levei na mala). Mas poderia ter levado mais uma jaqueta, pois a minha ficou terrível em Berlim.

Monte roteiros dos dias que você vai ficar e anote todos os passeios. Isso ajuda muito na hora de montar a mala e refletir: que roupa gostaria de usar em tal lugar?

Eu sempre vou com uma bolsa grande que possa carregar comigo e que caiba as coisas necessárias como carteira, maquiagem, bijus e acessórios de tecnologia. Na mala levo uma bolsinha menor para os passeios.

Ainda assim, se você quiser levar menos looks, basta levar mais partes de cima e menos parte de baixo. Assim você consegue compor looks diferentes e alternar durante os dias para não parecerem os mesmos. Esse é também um grande exercício de criatividade.

No vídeo abaixo, você confere como eu arrumei a mala e tudo o que tinha dentro dela. 😉

Aperte o play para conferir como ficou minha mala de viagem de 15 dias na Europa

Não esqueça: seu joinha é muito importante pra mim, curta o vídeo, deixe um comentário, opiniões e sugestões.

Receba a notificação do canal Gabis Miranda, para isso, clique no sininho. Toda vez que tiver um vídeo novo, você receberá uma notificação. Portanto, não perderá nenhum vídeo. 😉

compartilhe!

0

comente!

Comente!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.