27 jun 2013

É proibido proibir a entrada de meninos

por
Gabi Miranda

Uncategorized

Antes de ser mãe você imaginou que a maternidade te colocaria a frente de alguns dilemas?

Eu nunca tinha pensado tão profundamente nisso antes de ter filho. Por exemplo, hoje sempre me pego pensando em como é difícil criar seres humanos e no meu caso, acho complicado, principalmente, criar meninos.

Isso porque eu vejo uma cobrança muito grande em cima dos meninos relacionados ao machismo. Mais ou menos assim: menino não pode isso, não pode aquilo, menino tem que ser macho! Eu sou muito feminista, segundo o marido, para aceitar certas coisas. Portanto, vira e mexe me questiono até que ponto devo usar meus princípios feministas para influenciar meu filho.

Mas existem outros dilemas que ainda não tinha pensado até porque talvez não tenha chegado na fase. Outro dia minha grande amiga Dani mãe-já-de-dois comentou comigo que estava levando o filho mais velho para fazer natação. Eis que ela comentou que no banheiro feminino havia uma placa proibindo meninos de 5 anos entrarem no recinto. E que nesse estabelecimento não tinha banheiros voltados somente para crianças. Oi?

Ela me contou isso um pouco inconformada e tamanha foi minha incredulidade. Nunca tinha pensado nisso! Aliás, nunca tinha visto uma placa dessas. E tampouco vejo banheiros infantis, é raro vamos combinar! Fui conversar com outras mães e parece que essa placa é mais comum do que encontrar um trocador nos banheiros públicos.

Conversei com a psicóloga Fernanda Nogueira, mãe de dois, fundadora do Palavra de Bebê ,  que atualmente vive na Califórnia pesquisando sobre cuidados na primeira infância. Ela me disse que lá praticamente em todos os lugares, nos banheiros femininos, tem trocadores, normalmente simples, da marca Koala. Alguns lugares ela disse ter banheiros de família, fora dos banheiros específicos (feminino / masculino). No Brasil, encontramos alguns (poucos) lugares assim. Eu já vi o trocador fora dos banheiros – o que acho bacana, uma vez que não tem trocadores nos banheiros masculinos e, em minha humilde opinião, isso deveria ser obrigatório. Se o pai sai sozinho com a criança, ele troca aonde?!

Fernanda contou que já viu no Brasil essa proibição de meninos em banheiro femininos, principalmente em vestiário de clube. Mas que lá na Califórnia não viu esse tipo de proibição, os meninos que ainda não podem ir sozinhos ao banheiro acompanham suas mães no feminino.

Sei lá, na minha cabeça isso é básico! Não vejo problema de um menino de 5 anos acompanhar a mãe ao banheiro feminino. Vejo problema em deixá-lo ir sozinho num banheiro masculino! Um problema com um nome bem feito: pedofilia!

Tenho pensado muito nessa questão de pedofilia. Isso é um problema sério, delicado demais. A psicóloga Fernanda, diz que nesses casos de banheiros com esse tipo de placa, é sempre melhor encontrar uma maneira lúdica de conversar com as crianças, para que elas possam ficar alertas, não com medo, mas atentas ao respeito que os adultos devem ter com elas.

Concordo. Mas como ficam os estabelecimentos?

Alguém aí já pensou ou passou por alguma situação semelhante? O que vocês acham disso?

Queria ver alguém me impedir de entrar com meu filho no banheiro feminino. Primeiro que um estabelecimento que faz esse tipo de proibição, tem que no mínimo oferecer uma alternativa plausível, nesse caso específico, um banheiro infantil era o mínimo que deveriam oferecer.

Se não tem essa opção, vamos combinar, é proibido proibir!

compartilhe!

20

comente!

20 respostas para “É proibido proibir a entrada de meninos”

  1. André Luis disse:

    Boa tarde, e se é um pai que leva sua filha, uma menina. As mães concordariam e aceitariam o pai levar a filha no vestiário masculino?

  2. Adriana Lenzi disse:

    Adorei a mae que falou que conta até 10 e caso o filho nao responda, invade o banheiro! Kkk
    Esta é das minhas! Meu filho tem 12 e não fico nem um pouco tranquila em deixa-lo sozinho em banheiros de shopping e similares. Já aconteceu no Iguatemi aqui de Fortaleza de um adolescente ser violentado dentro do banheiro masculino, mas o caso foi abafado, a mãe do menino médica…depois do mal feito, não há proveito! Nao podemos amolecer, a pedofilia está aí e todo cuidado é pouco!

  3. Lilian disse:

    Mas, é quando a academia tem banheiro infantil e mesmo assim a mãe de menino se nega a utilizá-lo para dar banho no menino???
    O que vocês acham de uma academia de natação que pede a compreensão de meninos com mais de 6 anos de idade para não entrar em banheiro feminino, pois possui banheiro infantil?

    • https://bossamae.com.br/novo/wp-content/themes/bossa-mae/img/img-coment.png Gabi Miranda disse:

      Se tem banheiro infantil, acho que tem que ser usado ele. O problema é quando não tem. Muitos lugares ainda não tem banheiro infantil ou família. 😉

  4. Kátia disse:

    Olá, passei por um constrangimento, não foi no banheiro e sim no provador, meu filho tem onze anos, porém é alto, dando a impressão de ter 12 a 13 anos. Escolhi algumas peças de roupa e fui pra o provador feminino, disseram que ele não poderia entrar, eu disse que ele estaria dentro do provador comigo e que tinha apenas 11 anos e que não o deixaria na loja cheia sozinho, ainda sim a funcionária disse que não poderia. Larguei as roupas em cima dela e fui embora indignada, eu perguntei qual opção eles me davam a resposta foi a seguinte: – As crianças costumam ficar aqui na frente.
    diálogo de uma mãe e o delegado:
    – Meu filho foi sequenstrado.
    – Onde a senhora estava?
    – NO provador experimentando roupas, e a funcionaria disse que ele não poderia entrar.
    – E a senhora ainda sim foi deixando seu filho sozinho em uma loja lotada? Comeu merda quando criança? Caiu do berço? Ou o que?

  5. MARILENE RODRIGUES DA SILVA disse:

    Eu ja me deparei com isso.
    Uma mãe foi reclamar pq eu usar o banheiro feminino p trocar o Antonio de 5 anos depois da natação.

    Ai eu pergunto o que e mais constrangedor Antonio um menino com as meninas tudo criança ou Eu Marilene entrando no banheiro masculino e me deparando com um homem pelado?
    Isso me deixou muito pensativa, ate fiquei chateada.

    • Louise disse:

      Isso nunca ia acontecer de vc entrar em banheiro masculino , isso se chama falta de privacidade, pois não se pode entrar em vestiario masculino sendo mulher e eles iam te expulsar , iam ficar muito constrangidos com mulher la dentro , sobre ver homem pelado , jamais isso ia acontecer pois vc nao pode entrar , seria barrada mesmo , meu filho me contou que uma mulher entrou no banheiro masculino para acompanhar o filho e esta senhora foi expulsa , xingada até .

  6. Heloísa Helena custodio disse:

    Bom dia …. Como mãe de meninos gêmeos concordo que crianças a partir de 7 anos não deveria usar o vestiário feminino de um clube e ou academia porque sem dúvida nesse ambiente encontraram mulheres nuas e isso causa constragimentos nessas usuárias e até mesmo no meu filho que já está começando a entender e diferenciar homem de mulher…. E para a sua própria independência de realizar as atividades da vida diária sozinhos e compartilhar de momento com outros meninos que já realizam essa atividades muito bem sozinha…. Agora banheiro com o único objetivo o uso do sanitário não vejo problema pois as pessoas frequentam estes vestidas e os vasos encontram-se em lugares fechados onde outros não veriam….. A minha pergunta é …. Você mãe d um menino de 7 anos se troca na frente dele? Ou então se trocaria na frente de um amiguinho de seu filho com a mesma idade? Eu não…. Por isso respeito a regra de vestiários usados para banho como o de academia e clubes !

  7. Luana disse:

    E se tiver vestiario familia e a mae leva a criança pro feminino?

  8. Roberta disse:

    Olá pessoal tenho um filho que acabou de completar 9 anos e mesmo antes dele ter essa idade o clube que frequentamos começou a implicância dizendo que ele nao poderia entrar no vestiário e banheiro feminino, portanto vou continuar entrando com ele pois acho um absurdo qualquer mãe deixar uma criança entrar no vestiário e banheiro masculino, ñ tem consciência do perigo, uma criança ñ sabe se defender de um adulto pedófilo e tem mais uma criança ñ tem maldade, e tem mais, como mãe sou a responsável por ele e ñ vou deixa-lo corre riscos. já procurei saber com minha advogada e quem se sentir incomodado que peça ao estabelecimento que providencie um banheiro familia, pois boba é a mãe que deixa seu filho se expor desse jeito. Em qualquer lugar que eu for ele entra comigo no banheiro, Mac Donalds shopping etc.(uma amiga minha mandou a filho ao banheiro para defecar ,o menino saiu de lá branco, ele disse que tinha um homem pelado com o pênis enorme de certo estava se masturbando, e foi no clube)

  9. kelly Cristina Garcia disse:

    Olá Mães, Pesquisando um pouco na internet me deparei com esse Blog, infelizmente hoje passei por uma situação muito constrangedora e humilhante. Evito ao Maximo usar banheiros públicos no metro, mas hoje não teve jeito estava muito apetada e com meu filho de 8 anos, entrei no Box do sanitário e deixei ele do lado de fora em frente a porta do box que eu estava utilizando, quando uma senhora muito rude me questionou: quantos ano tem seu filho? eu respondi: 8 anos, então ela me perguntou: Você não acha que ele está muito grandinho pra entrar em banheiros femininos?? Na hora eu fiquei sem reação, sério, aquilo pra mim era muito surreal, como assim uma criança não pode acompanhar a mãe no banheiro? Respondi então que de forma alguma deixaria meu filho pro lado de fora do banheiro de uma estação de metro. Ela disse que ele teria sim que ficar do lado de fora, enfim me senti super constrangida, engraçado que elas tentam achar maldade em uma criança de 8 anos quando a maldade esta na cabeça delas (funcionária do metro). Estou indignada e gostaria de saber se existe alguma lei em relação a isso, quero voltar lá e mostrar para ela o quanto esta sendo ignorante. Alguém sabe me responder??
    Obrigada.

    • https://bossamae.com.br/novo/wp-content/themes/bossa-mae/img/img-coment.png Gabis disse:

      Oi Kelly, infelizmente existe muita falta de compreensão das pessoas.
      Não sei se existe uma lei para restringir esse tipo de situação.
      Sinto muito pelo ocorrido e agradeço compartilhar conosco.
      Um abraço,
      Gabi

  10. Angélica Holanda disse:

    Agora com 9 anos levo meu filho para utilizar o masculino, neste caso, conto até 10 e se ele não voltar até a porta grito seu nome, caso não responda, anuncio ao homens que vou entrar. É invadir mesmo, rsrsrsrs. É constrangedor, mas, tem funcionado. Porém, quando eu vou utilizar é mais complicado, outro dia fui abordada pela chefe da limpeza e “uma comissão” da faxina, em um shopping novo; devido ao fato dele ter ficado entre a “paredinha” e a entrada do banheiro feminino. Sai de lá deixando claro que iria ao Conselho Tutelar, visto que os riscos são os mesmos para uma criança de 5 bem como para uma criança de 9 anos. Não adiantou esclarecer que somos uma família de advogados e que conhecemos o direito, a mesma foi rude, e, até agora estou buscando legalmente um modo de puni-los e de corrigir essa norma interna para evitar que situações como essa continuem ocorrendo. Como não tive testemunhas vou continuar buscando outros meios legais.

  11. Si disse:

    Gente isso é um absurdo!!!!!
    Se eu tenho vontade de ir no banheiro tenho q deixar meu filho sozinho do lado de fora. ???
    Ja viram como são as filas do banheiro feminino???

    E outra também não confio de jeito nenhum meu filho sozinho em banheiros masculinos!

    Tem que existir o Espaco amplia com certeza!

  12. Lídia disse:

    Em relação aos trocadores eu já percebi que é realmente complicado encontrar locais preparados. Fui ao catavento Cultural aqui em SP e só tinha trocador no banheiro feminino, perguntei ao meu marido o que ele faria se estivesse sozinho com o João e sabe o que ele respondeu? “Trocaria aqui em cima da mesa da lanchonete ué! Vou deixar ele de fralda suja??” kkk Quanto aos banheiros ainda não cheguei nessa fase, mas considerando meu estilo sou capaz de desafiar a gerência a chamar a polícia se quiser tirar meu menino de 5 anos do banheiro feminino… vamos combinar que não tem a menor condição de deixar uma criança dessa idade sozinha!

  13. Rose Misceno disse:

    Na escola de Luna tem banheiros masculino, feminino e família e acho o ideal! É difícil mesmo em alguns lugares a falta desse banheiro, quase todos os shoppings aqui tbm tem o banheiro família, mas é coisa bem nova, pois quando Luna tinha dois anos e um pouquinho meu marido contou que pediu a uma moça pra levar Luna ao banheiro pois no masculino não dava, rs…

    • Angélica Nunes disse:

      Aconteceu algo comigo parecido, meu filho de 5 anos foi impedido de usar o banheiro feminino onde ele faz
      natação, disseram-me que era constrangedor as mulheres usarem o mesmo banheiro que um rapaz, eu respondi que ele era criança ainda e não um rapaz, esse banheiro neste horário e usado apenas por 4 mulheres adultas, eu não tenho coragem de deixa-lo ir sozinho ao banheiro masculino.

  14. Daniela Maio disse:

    Gabis, não só adorei o post, como também o link deixado no comentário anterior: campanha por mais banheiros familiares e trocadores em banheiros masculinos.
    Como a história que vc contou aconteceu comigo, posso te dizer que além de inconformada, fiquei mesmo foi constrangida e sem saber como agir. Entendo a preocupação das mulheres que frenquentam o vestiário em não quererem ficar expostas e reclamei na academia, que caiu no meu conceito por conta deste incidente e pela falta de iniciativa em resolvê-lo.
    Exatamente como vc descreveu, tenho medo de deixar meu filho entrar no banheiro masculino sozinho, ele ainda nem completou os 05 anos, mas ele não vai amadurecer e saber se cuidar da noite para o dia. Convenhamos, se não podemos deixar uma criança sozinha em casa, quem dirá permitir que ela entre num ambiente público que vc não pode entrar.
    A minha questão foi parcialmente resolvida porque deixamos de ir à academia, ele desistiu esse ano e eu por enquanto só me solidarizo com quem tem de se virar nos ’30 pra resolver a questão. Contudo, quando voltarmos, no próximo ano, esse será um item que colocarei na lista de necessidades que o ambiente terá de atender para ter meus pequenos matriculados.

  15. hsordili disse:

    Gabis
    você já viu esse manifesto?
    http://www.ajanelalaranja.com/2013/05/pedido-de-um-pai-que-participa.html
    Achei bem legal!
    beijao
    Lele

Comente!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.