21 maio 2012

Puericultura?!

por
Gabi Miranda

Uncategorized

Quem já foi na livraria procurar uma boa leitura sobre maternidade e encontrou isso na sessão de PUERICULTURA?! A coluna do Dr. Saul Cypel, na revista Pais & Filhos deste mês fala sobre essa palavrinha. Sinceramente, eu não sabia o que significava até ter lido alguns livros – após o nascimento do meu filho. Essa palavra parece mais um palavrão. Na coluna ele definiu muito bem:

“Puericultura vem do latim pueris, criança. E quer dizer “cuidar da criança”. Trata-se de uma área da pediatria extremamente nobre que preocupa-se com os cuidados integrais da criança, com o objetivo de promover o seu desenvolvimento sadio de modo abrangente: físico, intelectual e psicossocial.”

Pensei nos itens que ganhei no chá de bebê e alguns deles eu nem sabia pra que servia. Exemplo de um: o porta leite em pó. Lembrei que a Dani, minha amiga-mãe-já-de-dois, um dia foi lá em casa me ajudar na organização do quarto do Benjamin e me esclareceu para que serviam itens como esse, principalmente o porta leite (pra você levar medidas certas na bolsa). Sério, nem na embalagem estava claro a serventia daquilo. É claro que me achei uma tola, era óbvio que aquilo era um porta leite! Onde já se viu sair com uma lata inteira na bolsa… Não, não era óbvio! Assim como não é para muitas mães de primeira viagem. Assim como não temos obrigação nenhuma de saber já que não éramos mães (no meu caso, nem tia.) Clique e continue lendo!

compartilhe!

1

comente!

18 maio 2012

Organização festa de aniversário – Parte 6 (presentes)

por
Gabi Miranda

Festas

Vale pedir presente? Vale. Quer dizer, estou começando achar que vale quando perguntam.

Passado minha festa de aniversário, continuo ouvindo a mesma pergunta, mas agora com destinatário diferente “o que o Benjamin está precisando? O que você quer de presente de aniversário pra ele?”. Como boa pessoa educada, quando a pergunta era direcionada pra mim sempre respondi que não precisava de nada, muito obrigada! E porque realmente, não precisava mesmo.

Mas não seremos hipócritas com relação aos filhos. Eu pelo menos não serei. Também não vou dar uma de mãe politicamente correta e sustentável. Seria. Mas se a festa de aniversário é para família e amigos íntimos e todos perguntam a todo instante o que Benjamin precisa, porque não ser sincera e dar a chance para pessoa acertar num presente que será útil e necessário?!

Impressionante, mas bebês sempre precisam de algo. Por exemplo:

Toalhas – porque eles crescem num piscar de olhos e um dia (principalmente de frio) você se dá conta que não dá pra enrolá-lo mais naquela toalha de bebê que você ganhou no enxoval;
Clique e continue lendo!

compartilhe!

4

comente!

17 maio 2012

Curso para gestantes

por
Gabi Miranda

Bebê, Filhos

curso para gestantes

Quem não fez curso para gestantes põe o dedo aqui! Até cogitei fazer, mas no decorrer da gravidez gastei dinheiro e tempo com tanta coisa que passei a questionar a necessidade do tal curso. A maioria desses cursos são cobrados (exceto os cursos online) e não vale a pena pagar sei lá R$250 reais para aprender (em dois dias) os primeiros cuidados com o bebê. Vamos combinar que aprender a trocar fraldas e dar banho em boneca é facinho. Até na Capitu (my dog) é mais fácil colocar fraldas do que em um bebê (sim, o marido fez o teste).

Eu pensei que fossem cursos mais práticos e que realmente fossem necessários, que fariam a diferença na minha vida materna. Mas nãnanina não, curso para gestantes não é bem assim! Na maternidade mesmo a enfermeira já te ensina dar banho, trocar fraldas, limpar o umbigo, tudo que você esquece no instante em que acaba a aula prática. Quem já em casa, sem a enfermeira, não se viu perguntando “Como é mesmo que seguro o bebê para o banho?”.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

16 maio 2012

11 meses

por
Gabi Miranda

Uncategorized

Acho que de tanto eu te apertar, beijar, dar cheirinho, você começou a retribuir. Agora você dá abraços. É o abraço mais delicioso, o lugar mais confortável do mundo. O primeiro abraço que você deu foi quando a mamãe voltou de uma viagem de um dia apenas. Voltei pensando “ele nem vai ter sentido minha falta”. Que nada…quando você me viu atravessar a porta da sala abriu um sorrisão, seus olhos brilharam tanto! Eu cheguei perto e você – com suas mãzinhas tão pequenas, aproximou meu rosto do seu e me apertou. Agora toda manhã você, naturalmente, me presenteia com seu abraço.

Você está com 11 meses. É muito hiperativo, agitado, gesticulador. Tem algumas manias como tomar mamadeira mexendo no cabelo; mexe na orelha – mania que herdou da mamãe e eu perdi logo depois que você nasceu (acho que foi a falta de tempo ocioso que me fez perder); na hora de dormir gira de um lado pro outro até achar uma posição confortável e agora começou a brincar com as mãos até pegar no sono; range seus (muitos) dentes sem parar; Já demonstra alguns traços marcantes de personalidade. Agora você fica sério olhando para pessoas que nunca viu ou que não vê há algum tempo, principalmente se acabou de acordar. Você olha com uma cara de desconfiado – outra herança da mamãe, aí você olha pra mim como quem diz “e aí mãe, posso confiar?” Depois de alguns minutos você se abre e está novamente com seu sorriso habitual. Aliás, filho, essa é sua mania mais linda: SORRIR. Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

14 maio 2012

O primeiro dia das mães com meu Ben

por
Gabi Miranda

Maternidade

Na sexta-feira passada estava morreeeeeeendo de inveja das mães postando no facebook sobre as festinhas e presentes de dia das mães. Embora já tivesse ganhado (um dia antes) um presente maravilhoso, pensei:

“ah, não vejo a hora de ganhar um presente feito pelo meu Ben ou de participar de uma festinha na escolinha de Dia das Mães…”

Pois bem, na sexta-feira maridão e meu Ben foram me buscar no trabalho e para minha surpresa Benjamin segurava um presente pra mamãe coruja aqui: uma bandeja branca com suas mãozinhas registradas.

dia das mães

No cartão, a seguinte mensagem:

“…então perguntei para o papai do céu: – E se eu tiver medo enquanto estiver na terra?

Ele respondeu: – Não tenha, mandarei um anjo para cuidar de você em todos os momentos.

– Mas como saberei quem é este anjo querido?

– Chame-o simplesmente de MÃE!”

Sério, chorei. Eu sempre dei valor às pequenas coisas. Mas acho que pela primeira vez na vida enxerguei a totalidade da grandeza de um presente singelo como este, o sentido real dos pequenos gestos. Estou aprendendo um bocado de coisas com esse pequeno Benjamin…
Clique e continue lendo!

compartilhe!

2

comente!

13 maio 2012

Feliz dia das Mães

por
Gabi Miranda

Uncategorized

Nesse um ano de vida materna, não vi ninguém definir tão bem o trabalho de uma mãe como fez a P&G para os jogos Olímpicos Londres 2012. Achei lindo demais esse vídeo. Chorei.

 

Esse outro é homenagem da revista Crescer. Achei uma gracinha. Morri de vontade do tempo passar só pra ouvir o meu Ben falando do que tenho cheiro…(risos)

 

E pra finalizar, uma mensagem linda que Eugenio Mussak postou em seu facebook hoje:

“Há os que cuidam por um dia, e são úteis. Há os que cuidam por algum tempo, e são necessários. Há os que cuidam por muito tempo, e são fundamentais. E há quem cuide por toda a vida. Estas são as mães, as imprescindíveis.” (inspirado em Brecht)

Feliz dia das mães!

compartilhe!

1

comente!