16 set 2013

Quintal e sua felicidade

por
Gabi Miranda

Uncategorized

Domingo de sol. Ao lavar o quintal me dei conta que nunca morei numa casa sem quintal. Tudo bem que as casas em que morei não tinham quintais como dos meus avós Roque e Biga, mas garantiram boas lembranças também.

Sempre sonhei em morar numa casa com quintal enorme, daquelas com mangueira (que dessem mangas bem docinhas), goiabeira (embora não goste de goiaba), árvores que pudessem ser escaladas e quiçá construir uma casa.

Um jardim com lindas flores: rosas, girassóis, violetas…

Um quintal que tivesse piscina, mas se não fosse possível, que fosse  espaçoso suficiente para montar uma piscina de plástico como minha mãe fez inúmeras vezes na minha infância. Nosso cachorro, com suas unhas, ia lá e furava a piscina durante a noite, mas isso não nos entristecia porque sempre tinha uma segunda opção: o banho de mangueira.

Sim, quintal deve ser espaçoso para um banho de mangueira, daqueles que fazem a gente sentir frio na barriga de tão gelada que a água parece estar num primeiro momento, daqueles que eternizam a infância.

Pela primeira vez vou morar em apartamento. E meu Ben vai viver uma infância da vida contemporânea. Salão de festas, de jogos, parquinho e até quadra de futebol. Tudo num cercado. Tudo arquitetonicamente planejado para as famílias modernas.

Você fica procurando o sentido de tudo. Segurança. As crianças de hoje tem mais segurança. O mundo hoje é bem diferente daquele que era na minha infância.

Enquanto lavava o quintal da minha casa, que nem é bem um quintal está mais para garagem, pensei que não podíamos ir embora daquela casa sem proporcionar ao Benjamin um banho de mangueira.

Eis que ontem, outro domingo de sol, marido resolveu lavar o carro e de repente a farra começou. Benjamin ainda de pijama. Uma chuva feita da água vinda da mangueira.

Ben 15_09_13Ben 15_09_13_2

Daqui alguns anos, talvez ele nem se lembre, mas terá no peito um tesouro guardado. E a mãe, terá a recordação dessa carinha linda que faz valer a máxima da frase de Guimarães Rosa: “Felicidade se acha em horinhas de descuido“…Ben 15_09_13_3…mais a certeza de que a vida é bonita.Ben 15_09_13_4

compartilhe!

1

comente!

Uma resposta para “Quintal e sua felicidade”

  1. […] Coisas que a gente fez na nossa infância e que nos faz voltar a ela com nossos filhos, como tomar um banho de mangueira, dormir agarradinho, fazer cabana, fazer da cama um pula pula, compartilhar segredos e códigos e […]

  2. Lele disse:

    ownnnn
    nada como um bom banho de mangueira!!!
    que delícia! Fiquei emocionada!
    Vou publicar a frase lá na fanpage!
    beijo enorme
    Lele

Comente!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.