26 jul 2016

Sobre sua avó, de mãe para filhos

por
Gabi Miranda

Destaque, Família

Sobre sua avó materna

 

Avó

Filhos,

Vocês não tem avó materna. Se servir como consolo, eu também não tive. O Benjamin ainda teve a sorte de conviver por 3 anos com minha mãe, a avó de vocês. Nós a perdemos muito cedo e apesar de continuar achando isso injusto, é como disse Benjamin outro dia pra mim “A vida é assim, às vezes a gente perde, às vezes a gente ganha”. E quando a perdemos, nós ganhamos você, Stella. A vida pode parecer injusta, mas Deus sabe mesmo o que faz.  Já sofri, já chorei e ainda faço os dois, sofro e choro. Lembro como se fosse hoje o dia em que a perdemos, no caminho até o cemitério, nas promessas que eu fazia… parece coisa de louco, mas quando a gente ama, pensamos até nas impossibilidades. Foram dias e noites em que acreditei que não teria forças para seguir. Mas chega uma hora em que aprendemos a conviver com a perda, a gente se acostuma com a falta da pessoa e para dar conta da morte a gente esquece. Não da pessoa, porque isso é impossível. Mas a gente esquece de várias coisas, de acontecimentos e quando perdemos a mãe, com o tempo, esquecemos até o que é ter mãe.

Depois de muito tempo de luto e até para sair dele, tomei uma decisão. Eu mudei minha forma de viver, de me relacionar com as pessoas e com o mundo. Para isso, comecei a exercitar mais a minha fé, dar mais valor à vida, a olhar sempre para o lado bom de tudo, ser mais positiva, e, principalmente, a agradecer. Isso não esqueci, mas a avó de vocês, fazia muito bem todas essas coisas, como também aceitava, obediente, todas as mudanças em sua vida. Então, não só para conviver melhor com a minha perda, mudei minha forma de viver para também transmitir a vocês o que demorei a vida inteira para aprender com a minha mãe. É importante viver com sorriso no rosto e escolher ser feliz todos os dias.

A avó de vocês usava alguns mantras que hoje vocês já me veem usando. São eles:

“Obrigada”, “Hoje só coisas boas acontecerão”, “Tenha um dia feliz”.

Vocês não terão férias na casa da vovó, ela não defenderá vocês na hora que eu pegar vocês fazendo coisa errada, vocês não comerão a melhor lasanha do mundo, nem o doce de abóbora… mas eu tenho muito da minha mãe para passar para vocês e a tia Luana também. Tenho certeza, que se ela estivesse aqui, entre muitas outras coisas, também ensinaria essas três coisas acima para vocês. Porque ser uma pessoa reclamona não está com nada, filhos. Sejam pessoas boas e felizes. Hoje eu vejo que perdi, para ganhar. Ganhei vocês dois. Vocês que são esperança e minhas manhãs ensolaradas.

Aproveitem o avô materno e os avós paternos que vocês ainda tem. 😉

compartilhe!

5

comente!

5 respostas para “Sobre sua avó, de mãe para filhos”

  1. JÓLIA disse:

    Sinto-me exatamente como você! Perdi minha mãe fez um ano agora em novembro de 2018, mas é impressionante como tudo que descreveu vive em mim! Tenho três joviais3’ minha vida… Minha mãe se foi e só não deixou mais vazio porque vive em mim… sempre que posso conto a ela o que se passa! Faz-me bem! Um grande abraço! Fiquemos bem… pois somos filhas de pessoas guerreiras e com certeza muito amadas por Deus!
    Jolia.

  2. DIELLEN disse:

    Tenho sentido muito medo de perder minha mãe. É algo um pouco irracional, eu sei, por que está tudo bem. Mas eu sei que isso pode mudar a qualquer momento. Estou de mudança com meu marido para outro país e mina mãe ficará sozinha. Estou desolada. Acho que isso tem intensificado muito meu medo. Achei sua história e estou aqui aos prantos em casa.

    • https://bossamae.com.br/novo/wp-content/themes/bossa-mae/img/img-coment.png Gabi Miranda disse:

      Oi Diellen, manda embora os pensamentos ruins. Sua ãe ficará bem aqui, principalmente se ver você feliz.
      Não fica triste com minha história nãoooo, por favor. Eu to bem. O sentimento de dor se transformou. É difícil, mas aprendi a lidar com a falta dela.
      Fica bem e boa sorte na vida nova!!!
      beijos

  3. Me emocionei contigo falando dela no snap e me emocionei de novo com esse texto.
    Não faço a menor ideia de como eu faria para continuar com a vida se não tivesse mais minha mãe nesse mundo. Acho que tu estás te saindo muito bem. 🙂
    Beijo no coração

  4. hsordili disse:

    Linda, ela sente o seu amor e com certeza olha pro vocês com orgulho.
    beijos
    Lele

Comente!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.