07 out 2012

Leia para uma criança

por
Gabi Miranda

Livros

Começou no dia 03/10 a campanha da Fundação Itaú Social de incentivo à leitura para crianças. Você pode receber gratuitamente três volumes da Coleção Itaú para ler para seus filhos, sobrinhos, alunos ou para as crianças de uma instituição que você ajuda.

Os títulos são:

‘Poesia na varanda”, de Sônia Junqueira, Editora Autêntica.
“Lino”, de André Neves, Editora Callis.
“O ratinho, o morango vermelho maduro e o grande urso esfomeado”, de Don e Audrey Wood, Editora Brinque-Book)

Essa iniciativa faz parte do programa Itaú Criança, que integra ações para melhorar a educação e oferecerá gratuitamente 7 milhões dos livros citados. Para receber seus exemplares basta realizar o cadastro no site do programa.

Eu já solicitei a minha coleção. Faça sua escolha e contribua para um mundo melhor: leia para uma criança! Participe você também.

“Ler para uma criança é um gesto simples e muito importante. Por meio dele, contribuímos para a educação, a cultura e o lazer das crianças e ajudamos a mudar para melhor o futuro do Brasil.”

compartilhe!

1

comente!

27 set 2012

Sentimentos partem do coração

por
Gabi Miranda

Uncategorized

Como em toda casa: eu carrego muita herança da formação da minha família; o marido carrega herança da formação da família dele; além dessa herança cada um tem a formação de valores que a vida apresentou; e aí ficamos os dois tentando passar os valores que acreditamos ser essenciais para o nosso filho.

Eu não concordo com alguns valores/comportamentos que percebo da família dele; assim como não concordo com alguns valores da minha família. Mas isso não quer dizer que não são válidos.

Lembro da minha mãe nos forçando dar beijo em quem chegasse e/ou fosse embora; a mim, ela obrigava sorrir (!); e também de incitar agradecer um presente. Ai como eu odiava isso (não o ato de agradecer, mas o de dar beijo forçada e, principalmente, o de sorrir. Até beliscões ela me dava alertando pelo canto da boca “SOR-RIA”! Fala aí mamis, não é verdade isso?!…)!!!

Reparo algo curioso na família do meu marido. Ele com seus 31 anos e suas primas (uma pré e outra adolescente), ainda são lembrados e induzidos a ligarem para as tias em datas comemorativas ou para agradecer um presente que elas deixaram na casa de suas respectivas mães. Ai deles se não ligam, uma das tias fica de bico por tempos. Clique e continue lendo!

compartilhe!

1

comente!

24 set 2012

Porque toda mãe quer mudar o mundo / E toda mãe tem direito a informação (e apoio) de qualidade

por
Gabi Miranda

Uncategorized

E aí que me tornei mãe e de lá pra cá tenho pensado em mil e uma maneiras para formar um cidadão consciente, do bem, livre de preconceitos, de culpa e por que não livre de consumismo?! Tanto se fala sobre o assunto e eu não tinha opinião formada a respeito. Só “achismo” (ou talvez, pré-conceitos). Confesso: achava que era coisa de pais hipongas ou de grupos manifestantes que precisavam de uma causa. Achava que se eu fosse partidária da causa, não poderia comprar mais nada (praticamente uma ignorante no assunto). Mas depois de muita informação ali, outro monte de matéria lá, milhares de posts acolá, centenas de depoimentos e, um filho (!), minha opinião se formou diferente do meu “achismo”.

O assunto é sério. Precisamos dar fim à publicidade abusiva direcionada às crianças (nossa, me senti uma militante agora). É impressionante como as propagandas, principalmente, televisivas, tem poder sobre nossos filhos (as de revistas acho que o poder é sobre os pais). Meu Ben ainda é pequeno, ainda não fala, ainda não é influenciado pelo que vê na TV, mas basta ouvir um jingle de um comercial para demonstrar uma reação e aí, sinto o poder daquela comunicação. Clique e continue lendo!

compartilhe!

2

comente!

28 ago 2012

A famosa manha (ou birra?! ou dente?!) que um dia chega

por
Gabi Miranda

Uncategorized

Faço parte do grupo de mães odiadas por outras. Até eu não me aguento às vezes. É chato trocar experiências maternas comigo. Explico: se uma mãe ou pai param para conversar comigo, desabafar por exemplo, que estão com dificuldades para dormir e perguntam “quando seu filho passou a dormir a noite toda?”, a minha resposta é “quando completou um mês de vida”. Ou “ele teve cólicas?”. Minha resposta é “não”.

Mas é verdade. Benjamin passou a dormir a noite inteirinha com um mês, não teve cólicas, não era chorão e bravo (como as enfermeiras na maternidade me alertaram), não teve muitos problemas com dente (ok, teve e tem alguns momentos enjoadinho, mas os dentes não tiraram o seu nem o nosso sono), nunca teve febre após uma vacina, sempre adorou banho, come papinha desde os 6 meses de idade (detalhe: comia com gosto mesmo, não ficava colocando pra fora, não fazia sujeira, leia-se: não precisava de babador; abria o bocão), agora come comidinhas (e muito bem por sinal. Por enquanto, come naturalmente, e até sozinho: ervilhas, broquis = brócolis, couve e afins), continua dormindo que é uma belezinha a noite toda. De uns tempos pra cá passou a fazer inalação sozinho. Clique e continue lendo!

compartilhe!

2

comente!

10 ago 2012

Livro: Soluções para disciplina sem choro

por
Gabi Miranda

Livros

Uma das maiores vilãs de todos os pais é, sem dúvida, a birra. Eu morro de medo do Benjamin fazer escândalos públicos

(e até em casa mesmo). Imagino que deve ser difícil controlar essas situações. Dizem que não tem jeito, a danada da birra aparece até os dois anos de idade e, se não aparecer até lá, ela surge aos 4 anos da criança. O negócio é você compartilhar experiências, ler sobre o assunto, se preparar e se munir de estratégias contra a chata da birra.

O lançamento “Soluções para disciplina sem choro”, de Elizabeth Pantley, traz as ferramentas necessárias que os pais precisam para desenvolver e estabelecer habilidades agradáveis que contribuam para o bom comportamento dos filhos. O livro mostra através de exemplos e depoimentos, que podemos disciplinar sem perder a ternura, a amabilidade, sem ser duros. Como diz logo no primeiro capítulo, “disciplina não tem a ver com punição e não precisa ter lágrimas como resultado”. Clique e continue lendo!

compartilhe!

2

comente!

29 jun 2012

Sobre psicomotrocidade e educação

por
Gabi Miranda

Maternidade

Quem viu o texto “Minha sala tá avacalhada”, no MMQD, publicado 26/06 põe o dedo aqui! O texto é da Ana Julia, mãe, professora, violoncelista, estilista e pós-graduada em Psicomotricidade pela PUC-Minas.

Estou vidrada no blog dela: Torne seu filho mais inteligente.

Ela dá dicas valiosíssimas sobre estimulação de bebê, psicomotrocidade (aê maridão!!!), o método Montessori, musicalidade (eu fiquei muito feliz em ver que sem saber dos métodos e da razão científica, eu e o marido fazemos várias coisas certas estimulando a musicalidade do Benzoca), ela fala sobre criação, educação e, para os religiosos tem até uma dica de como ensinar histórias bíblicas para o seu bebê.

Nossa, gente, sério estou super interessada…..como não conheci a Ana antes? To falando que tem muita coisa nessa blogosfera materna….

*

E nessa semana a Veja SP trouxe uma matéria com a psicóloga Rosely Sayão, com dicas sobre educação. Eu já vi outras referências sobre ela e gosto muito. Acho uma profissional direta, coerente, firme e me identifico com suas medidas. Por exemplo, são os pais que dão ordem às crianças e não o contrário. E Rosely nos mostra que devemos deixar isso bem claro, colocar em prática a autoridade sem desanimar, que o discurso dos pais deve ser coerente às ações.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

1

comente!

28 jun 2012

Boas férias

por
Gabi Miranda

Uncategorized

Férias chegando e estou vendo um monte de pais preocupados com o período livre dos filhos. Sim, porque nem todos os pais podem tirar férias na mesma época que suas crias. Então surgem as dúvidas básicas: com quem deixar, que programação montar, colocar ou não em curso de férias…?!

Eu sou super a favor de montar uma programação intensa para as crianças, mas fora do ambiente escolar. Porque tem escolas que cobram o valor de mais uma mensalidade para um curso de férias. E se for pra pagar, na boa, sugiro procurar algo novo, com pessoas diferentes das que o filho está acostumado ver todos os dias.

Existem vários cursos de férias, como oficinas de teatro, culinária, pintura, música…aí vão algumas dicas:

Curso livre de Teatro nas férias
Local: GSIA – Rua Souza Ramos, 54, Vila Mariana
Quando: De 04 a 25/07 (sempre as quartas)
Horário: 14h00 as 17h00
Investimento: R$ 150,00
Inscrições e Informações:
Telefone: 3938-7800 /5336-0972 Clique e continue lendo!

compartilhe!

2

comente!

03 maio 2012

Pom Pom Blog

por
Gabi Miranda

Uncategorized

A Pom Pom lançou o novo blog da marca e promoveu hoje um encontro entre mães blogueiras. Na ocasião, Natércia Tiba, psicoterapeuta de família, faria uma palestra sobre educação. Para tirar dúvidas sobre gravidez e pediatria, estaria presente o Dr. José Vicente Rinaldi.

Fui convidada mas não pude comparecer. Uma pena, pois tinha muito interesse em participar. O horário não bateu com minha agenda, e aí fica uma sugestão: acho que é o tipo de evento que deve ser realizado pela manhã ou no final da tarde, isso permite uma certa flexibilidade para as mamães que trabalham fora.

O blog da Pom Pom você confere AQUI. É escrito pela mãe de dois Letícia Volponi, com quem já me identifiquei só por essa frase: “Meu porto seguro é, sem dúvida, o sorriso dos meus filhos. Não há nada que me dê mais confiança de que tudo vai dar certo!” Compartilho do mesmo sentimento.

Espero que o evento tenha sido um sucesso.

compartilhe!

0

comente!

12 abr 2012

Livro: Pais inteligentes enriquecem seus filhos

por
Gabi Miranda

Dinheiro, Livros, Maternidade

Eu já li Casais Inteligentes enriquecem juntos e recentemente o marido ganhou de presente de aniversário o Pais Inteligentes enriquecem seus filhos, ambos do autor Gustavo Cerbasi.

Há que não gosta da ideia de ter uma disciplina na escola sobre educação financeira. Embora, eu acho que essa é uma responsabilidade dos pais, acho interessante incluir o tema no currículo escolar das crianças. Afinal, é de pequeno que se aprende.

Os pais devem preparar os filhos para a vida e aprender sobre educação financeira é importante. Dinheiro implica fazer escolhas e é essencial que a criança aprenda isso. Sabemos que dinheiro não traz felicidade, mas ele gera bem estar, qualidade de vida, segurança, tranquilidade, etc.

Gostei muito do livro. Apesar de ainda não estar na época de aplicar as dicas que ele sugere, achei válido para começar a colocar – desde já – em prática algumas sugestões na minha vida de mãe. Porque como bem diz o autor “oferecer conhecimentos sem praticá-los (habilidades) não leva a lugar nenhum. Praticar sem ressaltar sua relevância (atitude) empobrece o aprendizado. Da mesma forma, a prática sem conhecimento induz a erros...”
Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!

28 mar 2012

O que se espera de um pai, afinal?

por
Gabi Miranda

Uncategorized

Acompanhei alguns noticiários sobre o acidente que envolve Thor, filho do homem mais rico do Brasil, Eike Batista. Fiquei pasma ao ler em uma das matérias, como se fosse o ato mais digno do mundo, que Thor não havia fugido do local do acidente, ficou para prestar socorro à vítima e esclarecimentos. Como?! Quem vê parece um grande gesto dele, mas o garoto não fez mais que sua obrigação. Era um dever dele naquele momento.

Ontem em sua coluna, a jornalista-escritora-talentosa-pra-caralho Eliane Brum, trouxe o assunto com olhos criteriosos, não só de mãe, mas de cidadã e principalmente de jornalista que tem o dever de informar – sempre com dados relevantes, importantes, de forma imparcial, o que todo jornalista deveria fazer independente se vai falar do Presidente da República ou do cara mais rico do Brasil. O texto inteiro é ótimo e vale muito a pena ler, mas aqui faço um ‘Ctrl C + Ctrl V’ de um trecho específico: Clique e continue lendo!

compartilhe!

0

comente!