21 dez 2018

Fortaleça sua vida com gratidão

por
Gabi Miranda

Autoconhecimento, Destaque

Gratidão virou modinha nas redes sociais e a #gratidão caiu no gosto do povo. Quem ótimo! Mas vale lembrar que gratidão tem que ser algo alinhado com o que você pensa, fala, sente e faz. Feito dessa maneira, a gratidão atrai ainda mais coisas boas para a nossa vida. E a gente sempre está querendo mais! Eu pelo menos sou assim. Eu nunca me contento. Quero dizer, me contento, mas quando alcanço um objetivo já tenho outro para ser colocado em prática.

Fortaleça sua vida com gratidão_bossa mãe 1

Fortaleça sua vida com gratidão

No entanto, eu não sou a única assim no mundo. Todos nós queremos sempre algo mais. Começa que todos queremos ser felizes. Queremos estar rodeados de pessoas que amamos. Queremos um trabalho melhor. Um salário melhor. E de preferência, um trabalho que nos permita passar mais tempo com nossos filhos. Queremos relações afetivas mais significativas. Queremos um carro novo. Uma viagem de férias a cada ano. E para alcançar tudo isso, como fazemos? Agradecendo! Gratidão sincera. Simples assim.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

1

comente!

25 abr 2016

A arte de sentir gratidão

gratidão

Minha vida, até aqui, pode ser dividida em três partes: antes e depois do Benjamin, depois da morte da minha mãe. Antes do nascimento dele eu era uma pessoa e me tornei outra completamente diferente. Quem me conhece sabe. A mudança é notável não só para quem está de fora, mas pra mim também. Benjamin encheu minha vida de sentidos e das coisas mais maravilhosas que podem existir no mundo. Ele me trouxe a fé, a esperança, a crença em um Deus.

A morte da minha mãe me causou a dor mais profunda até hoje, me afastou de Deus, abalou minha fé, mas me ensinou outras tantas coisas que, atualmente, apesar da saudade, consigo enxergar o valor que essa perda agregou na minha vida. Aprendi muitas coisas com a morte dela. Passado o luto, consigo enxergar isso. Foi no meio do luto da minha mãe que engravidei novamente, e, entre um processo de reabilitação, entre tristeza e alegria, passei a dar valor às possibilidades e oportunidades que a vida nos proporciona.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

5

comente!

04 maio 2015

Chá de bebê da família bossa

por
Gabi Miranda

Uncategorized

E aqui nosso chá de bebê foi um niver-chá-fraldas. Meu aniversário caiu este ano num sábado e decidi juntar o útil ao agradável. Então, no último dia 25 fizemos uma comemoração para celebrar duas vidas: a minha e a do novo membro da família que está a caminho. Estava empolgada como não imaginei que ficaria novamente para comemorar um aniversário. Durante semanas, fiz questão de cuidar de todos os detalhes com a ajuda digníssima do marido. Até tema teve: nuvens! Porque céu e nuvens marcam um pouco do sentimento desse meu momento – leveza. Sim, depois de um ano de tormenta, é assim que me sinto, leve. Em meu peito está morando um sentimento de gratidão pela vida, pela paz que reinou em meu coração, por essa dádiva que é carregar um ser no ventre, por ter pessoas tão queridas e especiais por perto.

Não podia ser uma festa enorme até porque não tínhamos espaço e dinheiro para tanto, mas não podiam faltar as pessoas mais especiais da minha vida, as que fizeram de alguma forma parte desse ano torto e maluco, que me deram ombro para chorar, forças para seguir, que compartilham comigo histórias sobre a mesma perda que tive, que me abraçaram de alegria quando contei sobre a gravidez, que esticaram saquinho para eu vomitar (Rá!), que fazem eu perceber o quanto a vida é bonita e vale a pena. Então, reuni 40 e poucas pessoas, entre amigos e familiares, para uma tarde deliciosa regada de crepes e muito, muito amor. A felicidade estava estampada no meu rosto e minha amigona Mislene, com sua delicadeza, conseguiu captar e registrar isso em suas maravilhosas fotos – presente que me emocionou muito ao ver. Agora compartilho algumas dessas imagens desse dia de festa e alegria.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

3

comente!