24 maio 2016

A casa fica melhor com crianças e plantas

por
Gabi Miranda

Decoração, Destaque, Terapia do lar

Feng Shui sugere a cultivação de plantas em casa. Sugiro crianças e plantas 😉

crianças e plantas

No Feng Shui são trabalhadas as boas energias e a harmonização do lar e significa “vento e água”. Ou seja, o Feng Shui apresenta formas naturais de melhorar a energia dos ambientes e também das pessoas. As formas naturais são o Sol, o ar, o vento, a natureza, animais de estimação (e porque não crianças?!) A ideia é ter algum desses elementos circulando pelo nosso lar.

Aqui já temos a Capitu, nossa cachorrinha, muito Sol que passa por todo o nosso apartamento e ventilação não falta, inclusive gosto de deixar as janelas todas abertas para circular e renovar a energia dos ambientes. Uma coisa que sempre quis ter em casa, minha mãe tinha muitas, eram plantas. Por certa preguiça de cuidar, confesso, nunca tive plantas. Eu mal lembro de tomar água, quem dirá regar plantas. Mas estou tentando mudar alguns comportamentos, hábitos, além de incrementar o nosso lar com mais toque feminino.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

11

comente!

02 dez 2013

Estamos de casa nova

por
Gabi Miranda

Organização, Terapia do lar

Prestes a completar um ano desse post AQUI e depois de muito nervoso, stress e ansiedade, estamos de casa nova! Mudamos no sábado, 30/11. Foi um dia loooongo, mega corrido e cansativo, mas completamente feliz.

Imaginem vocês que nesse mesmo dia teve reunião na escolinha do Benjamin. Eu não queria faltar, pois na última o pai participativo tinha ido e eu não. E essa era a reunião de encerramento! Como não ir, não saber do desenvolvimento do pequeno, não pegar os trabalhos dele. Podia pegar outro dia, mas vamos combinar que não é a mesma coisa do que participar na reunião.

Então eu fui. Marido ficou em casa com Benjamin e Capitu (imagina: casa toda aberta, caixa e móveis pra lá e pra cá, filho e cachorro sasaricando) esperando o caminhão da mudança. Minha mãe foi pra lá ajudar ficar com o pequeno enquanto marido orquestrava a mudança. Só que o caminhão chegou antes da minha mãe, imaginem minha aflição lá na escolinha, pensando no marido tomando conta de tudo sozinho.
Clique e continue lendo!

compartilhe!

1

comente!